quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Feliz 2009!

Agora de cara (cabeça) nova, o blog deseja que 2009 seja um ano cheio de realizações positivas na vida de todos os visitantes e colaboradores deste espaço.

O velador compulsivo

CRÔNICAS DO PC

Sei que você, meu amigo e conhecido, talvez conheça também o Tiburtino. Ele veio das bandas do Piauí, chegando aqui no Pará tem pouco tempo. Faz questão de dizer que sabe o bastante a respeito da história da terra que o viu nascer, a exemplo de Serra da Capivara, “um museu a céu aberto” e berço do Homem Americano.

Tiburtino tornou-se muito conhecido em nosso meio. Ele não é artista, jogador de futebol, escritor renomado, muito menos celebridade que tem dinheiro e vive aparecendo na mídia pela fama que tem.

Nosso piauiense é apenas um motorista aposentado, depois de sofrer um acidente, em seu caminhão, nas estradas esburacadas da região nordestina. Em conseqüência do desastre, teve fratura grave na perna direita. Mesmo depois de ser submetido a uma delicada cirurgia, ficou defeituoso, manca da perna direita, que ficou menor que a esquerda.

Mesmo tendo apenas 45 anos, ficou incapaz para exercer a profissão, e o problema lhe deixa sempre triste. Por outro lado, é um excelente cidadão, sensível e solidário. Tem uma qualidade que nunca vi antes neste mundo, nem em homem, nem em mulher.

Tiburtino não perde um enterro, seja quem for o morto. Para ele não importa. Basta um filho de Deus “bater as botas”, e dirigi-se ao velório, apresenta condolências à família enlutada, senta-se ao lado do ataúde e chora sem parar. E não perde o sepultamento. À beira da cova, o pranto é maior, naquela de falar entrecortado soluçando: Adeus! Sua falta me fará sofrer...!

Raramente acontece o dia em que o fato não se repita. Na cidade onde moramos, de muitas riquezas e população de todos os lugares do Brasil, o povo morre sem parar, de morte morrida, de acidentes, assassinada; cadáveres é que não faltam. A prova maior são as funerárias crescendo de tamanho, fabricando caixões sob medidas e cores variadas, azuis, pretos e marrons.

Reencontrei o Tiburtino em um dia chuvoso de sábado. Foi no velório de um amigo que morreu de apnéia, ou seja, parou de respirar quando dormia. Encontraram-no em rigidez cadavérica, 12 horas depois do passamento.

Fiquei curioso em saber o porquê de sua mania de velar os mortos. Sabe como é, né? Gente que escreve por obrigação é assim, curiosa pra chuchu, querendo saber de tudo, principalmente de procedimentos raros.

Agora me responda: você já viu outra pessoa igual a Tiburtino, um velador de mortos compulsivo?

Vou falar, como diz o paraense: é um negro robusto, de boa presença, sorridente. Mesmo estando chorando, não perde as qualidades de atencioso. Teve uma ocasião que ele me viu em um velório participando das últimas homenagens a uma velha carola, minha vizinha, papa-hóstias nas missas de todos os dias, e que teve morte súbita à porta do confessionário ao revelar um pecado ocorrido nos tempos de jovem, nos braços do namorado, deitados na grama nos fundos do muro da casa dos avós.

A velha carola não suportou o remorso guardado no decorrer dos tempos. A emoção fez o coração dela parar. Não se sabe se por algo inesquecível, imperdoável, ou se por gostosa recordação, de querer e não encontrar o parceiro. O segredo, talvez, só o confessor ficasse sabendo, o mais, a velhota levou para o túmulo. O que se sabe ficou escrito no seu diário.

Ao notar minha presença, Tiburtino levantou-se e veio me cumprimentar, embora os olhos intumescidos pela choradeira não evitassem um largo sorriso, que ficou estampado em seu rosto: Há quanto tempo, meu querido conterrâneo, estou feliz em revê-lo!

Tiburtino falou bem alto, chamando a atenção, para que os presentes ouvissem o nome de nossa importante cidade do sudeste do Piauí. E me abraçou fortemente.

Retribuí os cumprimentos, aproveitando para indagar: a falecida era sua parenta, amiga ou tinha outro vínculo de intimidade? Assim sendo, quero lhe apresentar minhas condolências.

Nada disso! Não precisa! Para falar a verdade, nem a conheço, respondeu.

E por que você chora tanto?

Sinto uma alegria imensa de chorar pelos mortos.

Danou-se! Não entendi patavina, justamente pela satisfação de chorar...

Explico. Grave bem: se eu não posso sorrir pela situação difícil dos vivos, iguais a mim, desiguais, injustiçados, motivos que nos fazem sofrer, derramar lágrimas é uma maneira que encontrei de extravasar meus sentimentos de revolta. Nada mais original do que ao lado de um defunto. Concorda?

Entendi. Foi aí que fiz as estatísticas negativas do país em que vivemos. Pensei nos menores abandonados; nos milhões de menores carentes; nos desempregados; nos sem-teto; nos verdadeiros sem-terra, na fome; na pobreza; na miséria; na violência; nos engodos dos políticos, os causadores maiores da desesperança, e cheguei à conclusão: Tiburtino tem razão de viver derramando lágrimas, embora escondendo na farsa o motivo de viver chorando.

Pedro Cláudio de Moura Reis (PC) / E-mail: pcmourareis@yahoo.com.br

Darci anuncia parte do novo secretariado

Fotos: Bariloche Silva e Waldyr Silva

Vice Afonso Andrade e prefeito Darci Lermen


Momentos antes da revelação dos nomes


Prefeito Darci Lermen anunciando o secretariado

Depois de muita expectativa por parte de interessados políticos e da própria imprensa local, finalmente o prefeito de Parauapebas, Darci José Lermen (PT), acompanhado do vice Afonso Andrade e de alguns secretários e vereadores, anunciou no final da tarde, no gabinete, parte do novo secretariado que vai auxiliá-lo a partir deste 1º de janeiro de 2009.

Quem ficam
Ascom: Alexandre Magno Maia
Educação: Raimundo Oliveira Neto
Finanças: Milton Zimmer Schneider
Mulher: Joelma de Moura Leite
Obras: João Eduardo Fontana
Procuradoria: Ernandes Margalho Espinosa
Saúde: Manoel Evaldo Benevides Alves

Quem são remanejados
Administração: sai Desilene Viegas e entra José Luiz Barbosa Vieira, que era do Meio Ambiente
Gabinete: sai Antonio Neto e entra José das Dores Couto, ex-secretário de Assistência Social
Meio Ambiente: sai Luiz Vieira e entra Domires Alves Reis, que era assessor do Gabinete
Relações Institucionais (nova): assume Antonio Neto Pereira de Sousa, que era chefe-de-gabinete

Quem entram
Desenvolvimento: Abraão Lopes Pimentel
Esporte: Anderson Marcos Moratório
Planejamento e Gestão: Delmar Steffen
Urbanismo: Marivaldo Cruz dos Santos

Departamentos e secretarias pendentes
Assistência Social
CTRH
Cultura
DMTT
Ouvidoria
Produção Rural
Saaep
Terras

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Anúncio de secretariado foi adiado para 16 horas

A solenidade para anúncio dos nomes dos novos secretários municipais da Prefeitura de Parauapebas foi adiado das 9 para as 16 horas desta quarta-feira (31), no gabinete do prefeito Darci Lermen.

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Jantar com Rafinha

A Prefeitura de Parauapebas (Ascom) e amigos de Rafinha (jogador de futebol que integra a equipe do São Paulo F.C) estão realizando um jantar às 19 horas desta terça-feira (30) no restaurante da TWA, localizado na rua B entre ruas 2 e 3, bairro Cidade Nova, com a presença do atleta, que por sinal é filho de Parauapebas.

Na oportunidade, haverá entrega simbólica de algumas cestas básicas colhidas por ocasião do jogo dos amigos de Rafinha e apresentação de vídeo da partida de futebol realizada no estádio Rosenão.

Adiado anúncio de secretariado

Marcado para as 9 horas desta segunda-feira (29) no gabinete, o anúncio do novo secretariado do prefeito Darci Lermen foi adiado para a próxima quarta-feira (31), no mesmo local e horário.

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Prefeito eleito de Eldorado do Carajás anuncia secretariado

O prefeito eleito de Eldorado do Carajás, Genival Diniz Gonçalves (PT), anunciou na última segunda-feira (22) os nomes dos secretários que vão auxiliá-lo na administração do município a partir de 1º de janeiro de 2009.

Acompanhe
Agricultura: Josivalto Paixão Almeida
Educação: Jocélio da Costa
Saúde: Maria da Conceição
Gabinete: Elisvaldo Costa de Sousa
Obras: Jovadir Miguel
Administração: Manoel Coelho de Souza
Controle Interno: Pr. Dário do Nascimento
Gestão e Planejamento: Euclides Alves
Ação Social: Iara Braga
Ouvidoria: Omar Lúcio da Silva

Falta ainda definir os nomes que vão ocupar as secretarias de Finanças e de Meio Ambiente.

Nomes do secretariado de Darci serão revelados na segunda-feira

O prefeito reeleito de Parauapebas, Darci Lermen (PT), ratificou que na próxima segunda-feira (29), às 9 horas, anunciará no gabinete o secretariado municipal do próximo governo dele.

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

sábado, 20 de dezembro de 2008

Rosenão será palco dos jogos do Águia de Marabá

Fotos: Waldyr Silva

Darci recebe de Ferreirinha e Galvão camisa do Águia


Galvão explica situação do Águia de Marabá

O estádio Rosenão, em Parauapebas, será o campo de futebol oficial no Estado do Pará onde o Águia de Marabá vai disputar o Campeonato Paraense de Futebol 2009, que terá início no dia 18 de janeiro, e a Copa do Brasil, que inicia dia 4 de março próximo.

Parceria neste sentido foi celebrada na última quinta-feira (18) no próprio estádio Rosenão, entre o prefeito Darci Lermen e o presidente do clube marabaense, Sebastião Ferreirinha, com a presença do diretor e técnico do Águia, João Galvão.

Em declarações prestadas à imprensa local, o técnico do Águia explicou que a decisão em jogar em Parauapebas foi porque a Federação Paraense de Futebol exige que o estádio tenha capacidade mínima de suportar 5 mil torcedores, mas o estádio Zinho Oliveira, em Marabá, tem capacidade para apenas 2.300 pessoas.

Segundo ainda João Galvão, o primeiro time que o Águia vai enfrentar na Copa do Brasil será o América Mineiro e o segundo o Fluminense do Rio de Janeiro.

Para abrigar as partidas de futebol do Águia de Marabá no estádio Rosenão, o prefeito Darci Lermen garantiu à diretoria do time marabaense que até o início do Campeonato Paraense as adequações das instalações do estádio sugeridas há meses pelo Corpo de Bombeiros e Polícia Militar serão concluídas.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Parauapebas vence Moju e conquista bicampeonato de futebol do interior

A seleção de Parauapebas venceu de 4 x 1 no final da tarde desta sexta-feira (19), no estádio Mangueirão, em Belém, a seleção de futebol de Moju, e conquista o bicampeonato do Intermunicipal de Seleções de 2008.

Na primeira fase da competição, a seleção de Parauapebas foi campeã da Copa Sul do Pará, ao derrotar Marabá, pelo placar de 5 a 3, nos pênaltis, após empate em 3 a 3 no tempo normal.

Pesquisadores descobrem em Carajás refúgio de araras ameaçadas de extinção

Pesquisadores da USP (Universidade de São Paulo) descobriram um refúgio de araras azuis grandes, espécie ameaçada de extinção, na Floresta Nacional de Carajás (Flonaca).

Durante as pesquisas de campo foram encontrados 28 ninhos da ave, com dez filhotes. A equipe também coletou dados que poderão estabelecer o grau de vulnerabilidade da população de aves na região.

Os pesquisadores já adiantaram que existe um número elevado de aves e que é necessário descobrir meios de proteção para a preservação da espécie nesta região.

De acordo com Flávia Presti, pesquisadora do Instituto Arara-Azul, a população de araras em Carajás é maior do que se imaginava, por isso a importância do trabalho para evitar que a espécie desapareça do planeta.

Ameaçada de extinção
A principal ameaça à arara-azul é a captura para comércio ilegal. A estimativa é que o tráfico ilegal de animais silvestres movimente cerca de US$ 3 bilhões anuais no Brasil, segundo a Renctas, ONG brasileira que combate o comércio ilegal de animais. No mundo inteiro esse valor chega a US$ 20 bilhões.

A arara-azul grande é o maior tipo de arara encontrada no país, podendo medir até um metro de comprimento. A espécie tem baixas taxas reprodutivas, com postura média de dois ovos, sendo que apenas um filhote sobrevive. Ela é encontrada principalmente no Pantanal Matogrossense, Maranhão, Tocantins, Bahia e Pará. (Fonte: Portal ORM)

Atletas de Tucumã competem na 15° São Silvestrinha

Dez alunos da Estação Conhecimento de Tucumã vão participar da 15º São Silvestrinha – versão infanto-juvenil da Corrida Internacional de São Silvestre –, que será disputada no próximo dia 27, às 9 horas, no Complexo Esportivo do Ibirapuera, em São Paulo.

No dia 26, os atletas - quatro meninas e seis meninos entre 13 e 15 anos – farão treinamento de aclimatização nas instalações da faculdade de educação física da Unicamp (Universidade de Campinas).

O grupo foi selecionado entre os 200 alunos que disputaram as provas de atletismo dos jogos Brasil Vale Ouro, após a inauguração da Estação Conhecimento de Tucumã. No total, duas mil crianças e adolescentes participaram da competição, que incluiu ainda provas de natação e judô.

Segundo Conceição Geremias, medalhista olímpica e consultora de atletismo do programa, o objetivo é fazer os jovens experimentarem uma competição esportiva e se integrarem com outros atletas.

“A vida rural, de correr na roça atrás dos bichos e de tirar água do poço aumenta o condicionamento físico e influencia a performance esportiva deles”, afirma a consultora.

Durante a seleção, foram realizados testes físicos específicos de acordo com as provas que serão realizadas pelos alunos no evento.

Os selecionados sairão de Tucumã (PA) dia 25 de dezembro, na noite de Natal, para a primeira viagem de avião com destino a Campinas. No dia seguinte, eles seguem para a Unicamp, onde vão conhecer a pista de atletismo e receberão treinamento complementar, com exercícios leves e alongamento.

Dia 27, os alunos vão para São Paulo participar da prova, que será realizada na mesma pista das competições internacionais de atletismo. Todos os participantes que completarem o percurso da prova receberão medalhas e passaportes para o Playcenter, na capital paulista. No dia 28, eles retornam a Tucumã.

“Só de ter sido selecionada entre os 200 participantes do programa e classificada para participar da prova já é ótimo. O mais importante da corrida em São Paulo é a participação”, afirma Ilana Mendonça, uma das selecionadas da Estação Conhecimento, que vai competir os 400 metros.

Brasil Vale Ouro
O programa Brasil Vale Ouro, desenvolvido dentro da Estação Conhecimento, representa a entrada da Fundação no segmento de esportes. Três modalidades esportivas individuais fazem parte deste programa: atletismo, natação e judô.

O desafio é descobrir novos atletas nas cidades onde a Vale atua. Aqueles que se destacarem terão oportunidade de avançar em seus treinamentos até atingirem nível olímpico. Para isso, a Fundação vai providenciar e viabilizar as transferências destes talentos para centros maiores, regionais e um nacional.

O Centro Nacional de Excelência Brasil Vale Ouro, resultado de uma parceria com os ministérios da Defesa e dos Esportes, ficará em Deodoro, no Rio de Janeiro. A intenção é que o Brasil tenha mais e mais campeões olímpicos e um número maior de medalhas nas Olimpíadas de 2016.

Estação Conhecimento
A Estação Conhecimento – Núcleo de Desenvolvimento Humano e Econômico – , em Tucumã, foi lançada em 17 de outubro pela Fundação Vale.

Na região, a empresa desenvolve o projeto de níquel da Mina de Onça Puma. O projeto desempenha papel de agente articulador de redes sociais para o desenvolvimento local, com gestão compartilhada entre a Vale, o poder público e a sociedade.

O público-alvo são jovens entre 7 e 19 anos, que são atendidos com programas nas áreas de esportes, cultura e educação profissional. A unidade de Tucumã é a primeira de uma série de 30 núcleos a serem construídos até 2010 nos estados do Maranhão, Minas Gerais e Espírito Santo, além do Pará, beneficiando 31 mil crianças e adolescentes.

São Silvestrinha
A São Silvestrinha nasceu em 1994 como proposta de ser a versão infanto-juvenil da mais importante prova de rua da América Latina, a Corrida Internacional de São Silvestre. Foi criada com o intuito de atender aos filhos, sobrinhos, netos dos participantes da corrida principal.
A São Silvestrinha é disputada em 20 categorias, sendo 10 masculinas e 10 femininas. As categorias são divididas por faixa etária e em diferentes distâncias, que variam de 50 metros (categoria 6 anos) até 600 metros (para os jovens de 15 anos). A categoria de cada atleta é definida conforme o ano de nascimento. O vencedor de cada categoria será o que obtiver melhor tempo na classificação geral.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Um homem e suas fobias

CRÔNICAS DO PC

O medo é uma resposta normal ao perigo ou ameaça. O que é o medo, finalmente? A intensidade desta resposta varia com as diferentes situações e as diferentes pessoas. Esta doença insere-se no grupo de perturbações fóbicas e dentro deste grupo é considerada uma fobia específica. Estas fobias são caracterizadas por ansiedade clinicamente significativa, provocada pela exposição a uma situação ou objeto temido. Neste caso, são pessoas estranhas e doentes, que frequentemente conduzem a um comportamento de evitamento.

Conheço um cidadão nesta situação, e aproveito para falar a seu respeito. Seu nome é Manoel Messias, um cara legal, trabalhador, bem casado e feliz. Só tem uma particularidade: a mulher dele foi escolhida, depois de longa procura, por ser uma das mais feias das redondezas, chamando a atenção pelas esquisitices na formação do seu corpo, da cabeça aos pés. Tudo é disforme nela, nem parecendo gente. A figura é um espectro vivo, identificando-se como um monstrengo doméstico. Todavia, para Manoel Messias ela representa os encantos que ele procurava, especificamente, a feiúra, e ao seu lado vive muito feliz.

O maior motivo é que o homem tem várias fobias, dentre as quais a venutrafobia (aversão a mulher bonita), não pode ver uma beldade em sua frente que começa a ter crises, chegando a vômitos ininterruptos, febre e diarréia.

Para viver melhor, mora isolada em uma grande fazenda herdada dos pais, cujos trabalhadores, mulheres e homens, são terrivelmente feios. Sob encomenda, encontrou sua mulher Dalva, e quem deu certo com ele, inclusive aceitou sua situação de sernocófobo (medo de fazer amor), só comete o ato de olhos vendados.

Manoel Messias tem outras fobias. Escolheu viver isolado por não tolerar multidões (aclofobia), além de sofrer também de triscaidecafobia (medo do número 13). O número não existe em sua casa. Do 12 pula-se para o 14.

Um psiquiatra me disse que Manoel é um caso raro de afobia, chegando perto da loucura. Afobia é uma fobia na qual a pessoa que a possui tem medo de uma situação, quando não deveria tê-lo, isto é, medo da falta de fobias. Portanto, Manoel Messias esforça-se para nunca deixar de possuir fobias.

Por ter certo grau de gagueira, enrascando-se para ligar as palavras, sofre de latiofobia (receio de falar). E como é católico praticante, muito apegado às coisas sagradas e santas, tornou-se um caso raro de hamartofobia (medo de pecar), e por isso passa o tempo orando sem parar, dedilhando terços e rosários.

Para diminuir a tensão em que vive, Manoel Messias tornou-se um organizado criador de galinhas da raça orpington amarela, de origem estrangeira, que têm uma particularidade fora do comum: as penosas só botam ovo à vontade se estiverem sendo tratada por homem muito bonito, vestido de paletó e gravata, cheirando bastante, bem perfumado.

É pura verdade, e quero afirmar que Manoel Messias, ao contrário da mulher horrorosa que tem, é elegante e bonito, com todos os traços característicos de beleza masculina, e é evidente: as galinhas orpington se deram muito bem com ele, não tendo preguiça de botar ovos, que chocados produzem pintos vistosos, aos quatro meses transformam-se em frangos, cuja carne é disputada a preço alto no mercado.

Manoel Messias, felizmente, não sofre de aletrofobia (medo de galinha), mas teme ficar sujo, (automuscofobia) e ser rejeitado no galinheiro.

Ele mesmo diz ser um homem normal. Confessa ter (lissofobia), ou seja, medo de ficar louco.

Pedro Cláudio de Moura Reis (PC) / E-mail: pcmourareis@yahoo.com.br

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Flonaca

Comentário do prof. Pedro de Azevedo Martins

Waldir, acabo de ler a notícia sobre as atividades na FLONA Carjás, no Correio do Tocantins, de autoria de sua agencia de notícias.Fiquei sabendo, também, que você a tinha postado em seu blog que ora visito e participo. Fiquei muito contente uma vez que muito poucas vezes este patrimônio natural, testemunho ambiental do que foi no passado a região de Carajás, em termos de biodiversidade animal e vegetal, não é só lembrado, pela imprensa nacional, apenas pelas depedrações que o mesmo sofre anualmente ou por hospedar uma das maiores minas e depósito mundial de minério de ferro que gera imensos lucros aos donos da companhia que explora este minério. Ao mesmo tempo fiquei muito triste por você esquecer de mencionar que lá (na Floresta Nacional de Carajás) se executa um dos maiores Programas de Educação Ambiental desenvolvido no Brasil, fruto de uma parceria entre a UFPA/Campus de Marabá, a Prefeitura Municipal de Parauapebas e o Instituto Chico Mendes, o qual você já acompanhou algumas vezes e é sabedor de sua dimensão e importância, para a comunidade escolar regional e comunidades populares em geral. A grande evidência de sua ciência de nosso trabalho são as fotos que você publica em suas reportagens, as quais são de autoria de técnicos de nossa equipe e fazem parte de nossos arquivos. Na certeza de seu reconhecimento e de sua preocupação em fazer juistiça a essa parceria institucional em prol da educação ambeinatl, renovamos os nossos protestos de consideração.
Prof. José Pedro de Azevedo Martins.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Novo secretariado só será anunciado dia 29

De acordo com conversa mantida agora há pouco com o prefeito Darci José Lermen, o novo secretariado para a próxima administração só será anunciado no dia 29 do corrente, portanto, às vésperas da posse do prefeito.

Darci disse não ter definido ainda o local e o horário da coletiva onde ele vai anunciar os nomes da nova composição do governo, mas assegurou que definitivamente a data será 29 de dezembro, uma segunda-feira.

Mulher de candidato cassado é eleita prefeita no Tocantins

Ananás - A ex-vereadora Raimunda Rosa de Sousa Carvalho (DEM) foi eleita neste domingo (14) prefeita do município de Ananás (TO), região do Bico do Papagaio. Ela é casada com Wilson Saraiva, que foi eleito prefeito no dia 5 de outubro último, mas teve o registro de candidatura indeferido pela Justiça Eleitoral, por ter tido as contas de sua administração anterior (1993-1997) rejeitadas.

Com o registro cassado, os votos de Saraiva foram anulados. Somados aos votos anulados pelos eleitores nas urnas, o total de nulos atingiu mais de 50%, o que levou à anulação das eleições no município. Assim, outro pleito foi marcado.

Neste domingo, Raimunda Carvalho obteve 2.749 votos, o equivalente a 52,56% dos votos válidos, contra 2.481 votos (47,44%) de Marinalva Soares Borges (PMDB), que havia disputado as eleições no dia 5 de outubro com Saraiva.

Segundo informações do cartório eleitoral da cidade, 1.561 eleitores, o equivalente a 22,5% do total, não compareceram nesta segunda eleição. Por isso, o município poderá ter uma nova eleição.

O registro de candidatura de Raimunda Carvalho chegou a ser impugnado pela Justiça Eleitoral, pela alegação de descumprimento do prazo para que ela deixasse o cargo de servidora pública estadual para se candidatar.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) modificou a decisão, mas houve recurso da Procuradoria Eleitoral ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

“Estou dentro da lei e estou tranqüila. A Justiça sabe o que faz. Estou cumprindo com o meu dever e deixo que a Justiça cuide disso”, disse a prefeita eleita. (Fonte: Agência G1)

Bolsa Família Crediário


Polícia prende líderes de quadrilha que assaltou banco em Itupiranga e matou subgerente

Belém - Uma operação policial resultou, neste domingo (14), nas prisões dos líderes da quadrilha que assaltou uma agência bancária, em Itupiranga, sudeste do Pará, na última quarta-feira (10), e executou o subgerente Alexandre Rios Alves, de 29 anos.

Os policiais do GPM (Grupo de Polícia Metropolitana) prenderam, durante a madrugada, em Belém e em Ananindeua, os irmãos Jaílson G.de M.S., 25 anos, e Raimundo M.de M. S., 22; e Geová P.da S., 34, nascidos no Maranhão e apontados como líderes do bando.

Também foram presos André L.F.M, 28 anos, e o paraibano Méssio de M.A., 57 anos. Com eles, a Polícia Civil apreendeu cinco armas de fogo, munição e mais de R$ 20 mil em dinheiro.

As armas apreendidas foram um rifle belga de calibre 7,62, com mira telescópica; um rifle de repetição marca Winchester calibre 38; uma carabina de uso restrito das forças policiais; um fuzil calibre 7,62 e uma carabina calibre 36. Os policiais apreenderam ainda cerca de mil munições de calibres 7,67; 36 e de Magal.

As munições e as armas, exceto o rifle belga, estavam na casa de Méssio, que é armeiro. Ele mora no bairro do Cruzeiro, distrito de Icoaraci. O rifle e o dinheiro foram encontrados na casa de André Luiz, na Marambaia. Os demais foram presos no conjunto Guajará I, em Ananindeua.

De acordo com o delegado Éder Mauro, do GPM, o bando preso é acusado também de envolvimento em assaltos a banco no Estado do Maranhão. Os presos vão responder por formação de bando, latrocínio, porte ilegal de armas, entre outros crimes. As investigações sobre o assalto à agência em Itupiranga continuam para apurar a existência de outros envolvidos.

Na última sexta-feira (12), outras cinco pessoas que integram a quadrilha foram presas em Castanhal, Ananindeua e Marabá. Um adolescente foi apreendido. Os policiais recuperaram R$ 18,2 mil em espécie e R$ 27 mil depositados em duas contas particulares de bancos diferentes. No total, R$ 45,2 mil foram recuperados dos cerca de R$ 300 mil roubados da agência.

A DRCO (Divisão de Repressão ao Crime Organizado) vai apurar também o envolvimento dos presos em outros assaltos dentro e fora do Estado do Pará. (Fonte: Portal ORM)

No ar

O telespectador de Parauapebas já começa a ver as novas imagens retransmitidas, em caráter experimental, pela TV Norte Carajás (Record, canal 2).

De propriedade de Welney Lopes de Carvalho, a emissora agora é administrada pela agência de publicidade Planet Comunicação (leia-se Walmor Costa e Ana Lacerda), sob o comando de Marcos Leite.

Os novos administradores da TV Norte Carajás, que adquiriram novos e modernos equipamentos para a emissora, prometem muitas novidades no ar nos próximos dias para os telespectadores. Vamos aguardar.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Empregados da Vale doam equipamentos à Apae de Parauapebas

A doação de equipamentos fonoaudiológicos e fisioterapêuticos à Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Parauapebas, além da construção de mais duas salas, foi uma iniciativa de um grupo de empregados da Vale que conheceu o trabalho da instituição e iniciou uma campanha solidária dentro da empresa.

O primeiro passo foi conhecer as necessidades da Apae, a partir de levantamento das principais dificuldades da instituição. Com isso, o grupo iniciou dentro da Vale a campanha “Padrinhos da Apae” e contou com a participação de vários empregados da mineradora na arrecadação de dinheiro para a compra dos materiais, inclusive para a construção das salas.

O grupo também promoveu uma festa solidária na Casa da Cultura de Canaã dos Carajás para aumentar o valor das doações.

Cerca de 30 itens de materiais de auxílio ao trabalho de fisioterapia e fonoaudiologia foram entregues à instituição, peças essenciais no desenvolvimento de várias atividades de reabilitação, como a estrutura de mastigação, sucção, reabilitação motora, força muscular, tombos e mobilidade.

“Esses equipamentos são de extrema importância, pois nos ajudarão a desenvolver um trabalho com mais qualidade e, com isso, conseguir resultados mais satisfatórios”, ressalta Adriana Veloso, fonoaudióloga da Apae de Parauapebas.

Além dos materiais, os empregados doaram R$ 1.300,00 para ajudar na construção de duas salas, que darão mais espaço para a realização das atividades com as crianças.

A ação demonstra a preocupação da Vale em incentivar atitudes de responsabilidade social entre os empregados, com a realização de atividades nas comunidades carentes e instituições.

“Nosso grupo sempre procura conhecer a realidade da sociedade e de entidades de Parauapebas e Canaã dos Carajás, a fim de contribuir, através de campanhas solidárias, para a construção de um cenário social mais positivo nesses municípios”, explica Cássia Teixeira, uma das integrantes do grupo.

Ainda repercute morte de bancário em Itupiranga

Itupiranga - Um bando formado por cinco homens armados invadiu, por volta das 10 horas da última quarta-feira (10), uma agência do Banco do Brasil no município de Itupiranga, a 50 quilômetros de Marabá. No momento da ação, muitos clientes estavam na agência e todos foram feitos reféns. O subgerente do banco, Alexandre Rios Alves, de 29 anos, foi assassinado no assalto, que durou cerca de 30 minutos.

Em uma fuga cinematográfica, o bando saiu da cidade em uma caminhonete do tipo F-1000, levando cerca de 10 pessoas como reféns. Os criminosos atiravam para todos os lados e várias pessoas ficaram feridas. Ao tentar perseguir o grupo, um carro da Polícia Civil capotou.

A quadrilha deixou os reféns e abandonaram a caminhonete a 12 quilômetros da sede do município, na vicinal Tauri. Os bandidos tomaram de assalto um veículo Gol de cor branca que passava pela estrada no momento.

Alexandre Alves morou em Parauapebas durante 3 anos, onde nasceram os filhos dele, e trabalhou no BB daqui, onde fez vários amigos. O corpo da vítima está sendo velado neste momento na cidade de Tucuruí. (Diário do Pará Online e Thiago Albuquerque)

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Jogadores de Marabá brilham no esporte nacional

Marabá - A cidade de Marabá tem revelado grandes jogadores de futebol, principalmente por meio da Escolinha de Futebol do Camisa 10.

O jogador Wando da Costa Silva, nascido em Tucuruí dia 8 de maio de 1980, por exemplo, acaba de assinar contrato com o Paraná Clube (PR), onde já se apresentou na última segunda-feira (8).
Wando Silva, que passou mais de 10 anos no Vila Nova (GO), foi revelado pela Escolinha do Camisa 10, de Marabá.

A escolinha já revelou os atletas Dias (Portuguesa-SP), Marquinhos Marabá (Campinense-PB), Juninho (Atlético Goianiense-GO), Elder (Sub20 Palmeiras-SP), Renan (Sub20 Santos-SP), Elkeson, Jhone e Danilo Galvão (este último filho de Galvão, Vitória-BA); Ari (Sub20 Vasco da Gama-RJ), Wederson (Toledo-PR), Koute (ex-Paysandu), Fabiano (ex-Corinthians-SP), Mogi (ex-Águia e atual Red Bull-SP), entre muitos outros atletas. (Bira Ramos)

PT reúne prefeitos eleitos na sexta-feira em Brasília

Brasília - Para celebrar as vitórias do Partido dos Trabalhadores (PT) e organizar a ação política do partido, a Secretaria Nacional de Assuntos Institucionais (Snai) realiza um encontro em Brasília na próxima sexta-feira (12), com a presença de prefeitos, prefeitas e vices eleitos pelo partido.

Já confirmaram presenças no evento a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, e o ministro do Turismo, Luiz Barreto. Também estarão no evento os governadores Jaques Wagner (Bahia), Ana Júlia (Pará) e Welington Dias (Piauí), além de outras lideranças petistas. O prefeito de Parauapebas, Darci José Lermen, ainda não confirmou se vai ao encontro.

O encontro de prefeitos/as e vice-prefeitos/as do PT terá início às 10 horas, no Hotel Brasília Alvorada (antigo Blue Tree), e não será aberto à imprensa. Participam da abertura do evento o presidente do PT, deputado federal Ricardo Berzoini (SP); o secretário Nacional de Assuntos Institucionais, Romênio Pereira; a governadora do Pará, Ana Júlia; o presidente da Câmara, deputado Arlindo Chinaglia; o líder do PT na Câmara, deputado Maurício Rands; e a líder do PT no Senado, Ideli Salvatti.

A ministra Dilma Rousseff, o governador Jaques Wagner e os prefeitos João Coser (Vitória-ES) e Chico Ferramenta (Ipatinga-MG) participam às 11 horas da Mesa: Governo Lula e os governos municipais que iniciam em 2009.

O protagonismo das cidades na execução de políticas sociais e desenvolvimento sustentado será o tema da Mesa que começa às 15 horas. Serão expositores o ministro Luiz Barreto, o governador Welington Dias e os prefeitos Luizianne Lins (Fortaleza-CE) e Ary José Vanazzi (São Leopoldo-RS).

Mais informações podem ser conseguidas com Rodrigo Campos, assessor da Secretaria Nacional de Assuntos Institucionais do PT, pelos fones (61) 3213-1348 / 8102-4981.

Governo federal estuda Plano Nacional de Combate à Intolerância Religiosa

Brasília - “O Brasil precisa respeitar e conviver com a diversidade religiosa. O preconceito e a intolerância religiosa existem e precisam ser combatidos com ações afirmativas e políticas públicas”.

A afirmação é do subsecretário de Promoção e Defesa dos Direitos Humanos, Perly Cipriano, ao participar nesta terça-feira (9) do seminário "Centenário da umbanda: matriz religiosa brasileira", na Comissão de Direitos Humanos da Câmara, em Brasília.

De acordo com o secretário, o governo Lula estuda a criação do Plano Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, que, entre outras ações, prevê que todas as escolas do país trabalhem o tema em sala de aula para educar os jovens brasileiros sobre o tema.

Perly fez um balanço sobre os principais desafios em torno do assunto e disse que o Brasil já conseguiu avançar bastante no esclarecimento da população sobre a importância cultural de todas as religiões do país, especialmente da umbanda.

O presidente do Conselho Nacional da Umbanda do Brasil, Sílvio Garcez, reclamou da discriminação que existe em torno das religiões afros, afirmando que não existem religiões ruins. “Todas são boas e alimentam a alma daqueles que as buscam”.

Garcez pediu apoio do parlamento brasileiro em torno do tema e disse que é muito difícil lidar com o preconceito religioso. O debate foi presidido pelo deputado federal Luiz Couto (PT-PB).

A deputada federal Janete Rocha Pietá (PT-SP) participou do seminário e ressaltou a importância de debates como este no âmbito do parlamento. "É importante que o Legislativo trabalhe no sentido de valorizar a pluralidade e o respeito para com todas as manifestações religiosas e culturais que integram o conjunto da nação".

Ela lembrou ainda o ato ocorrido em Guarulhos, no dia 8/12, aniversário da cidade, quando foi inaugurada placa que registra o local onde existia a antiga igreja de Nossa Senhora dos Homens Pretos, que durante muito tempo congregou mulheres e homens negros para suas celebrações.

Visitação à Floresta de Carajás ainda não atinge todo público

Fotos: Semma
A visitação às trilhas e cachoeiras da Floresta Nacional de Carajás (Flonaca), no município de Parauapebas, ainda não atinge o público em geral. Isso ocorre porque a área ainda não conta com infra-estrutura adequada para atender a demanda com toda segurança.

Mas a situação já esteve bem pior, pois o acesso à Flonaca, até 2006, era restrito e burocrático. Somente a partir de então, através do Programa de Uso Público da Flonaca, esse acesso foi democratizado e facilitado a toda população de Parauapebas e região.



De acordo com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), no período de junho a dezembro de 2006 foram concedidas 44.005 autorizações para visitas ao núcleo urbano de Carajás; 124.089 em 2007; e 86.987 de janeiro a julho deste ano, totalizando 255.081 autorizações concedidas, no período de junho de 2006 a julho de 2008.



O programa visa a inclusão social, dando ênfase às atividades de educação ambiental, lazer e turismo, com bases sólidas no atendimento humanizado aos usuários em geral, de maneira a permitir o ingresso controlado de pessoas na área da floresta para caminhadas em trilhas ecológicas, visitas ao Parque Zoobotânico de Carajás, cineteatro e ecoturismo, visto o grande potencial turístico da região.




Reserva federal
A Floresta Nacional de Carajás é uma reserva federal instituída pela Lei nº 9.985/2000. Trata-se da maior área de floresta nacional protegida, com 411.948,87 ha, e que abriga a maior reserva de ferro do mundo, além de contar com a maior biodiversidade do planeta Terra.

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Time mais antigo de Marabá leva maior surra da história: 22 a 1

Marabá - O mais tradicional time de futebol da Divisão Especial de Marabá, Bangu Esporte Clube Beneficente, filiado à Liga Esportiva de Marabá (Lemar), cuja agremiação foi fundada em 19 de novembro de 1940, acaba de submeter sua torcida à maior decepção da história da equipe.

No último sábado (6), o time banguense, que mais contratou jogadores em Marabá e municípios vizinhos, perdeu de 22 a 1 para a Sociedade Amapaense, que marcou com Pequeno (12), Nilo (7), Ericléber, Rarison e Pedro Cabeça; enquanto Válber descontou para o time rubro-negro. Esta foi a maior goleada sofrida por um time nos 36 anos do futebol marabaense.

Além de ter sido campeão marabaense em 1997, o time do Bangu ainda conquistou os municipais de 1970 e 1971, porém, nessa época, a Lemar ainda não estava filiada à Federação Paraense de Futebol (FPF), motivo pelo qual os títulos não foram reconhecidos pela entidade de organização de desporto de Marabá. (Bira Ramos)

Parauapebas implantará ensino fundamental de nono ano em 2009

A Prefeitura de Parauapebas implantará, a partir de 2009, o ensino fundamental de nono ano. Essa ampliação no sistema educacional assegura a toda criança a partir de 6 anos de idade maior número de anos de ensino obrigatório e maiores oportunidades de aprender.

Embora seja uma diretriz nacional, a implantação do ensino fundamental de nono ano revela em Parauapebas o compromisso do município com a população e com a qualidade da educação. A partir de janeiro de 2009, todas as escolas estarão matriculando as crianças de seis anos no primeiro ano do ensino fundamental.

Segundo Raimundo Oliveira Neto, titular da Secretaria Municipal de Educação (Semed), o órgão já criou um grupo de estudos para avaliar os impactos e planejar um futuro que assegure a qualidade do ensino. O ingresso do nono ano no ensino fundamental vai permitir o acesso de crianças de 4 a 5 anos à educação infantil.

O acréscimo de mais uma série é uma exigência legal assegurada nas leis federais nº 11.114, de 16 de maio de 2005, e 11.274, de 6 de fevereiro de 2006, que alteram os artigos 30, 32 e 87 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) nº 9.394/96 e determinam a obrigatoriedade de ingresso no ensino fundamental para todas as crianças a partir de seis anos de idade.

Essa mesma legislação concedeu aos sistemas de ensino o prazo até 2010 para realizarem as mudanças necessárias para a implantação do novo sistema.

Coletiva
Nesta quarta-feira (10), a partir das 10 horas, no auditório da Semed, o secretário municipal de Educação concede entrevista coletiva para prestar maiores esclarecimentos acerca da implantação do ensino fundamental de nove anos; sobre a lei que torna obrigatória matrícula de alunos de 4 a 5 anos na educação infantil; e sobre piso salarial nacional de professores. (Fonte: Assessoria de Imprensa da Semed)

Ameaça de morte a Hiroshi Bogéa está sendo apurada

Hiroshi Bogéa está tomando as providências para que a polícia investigue de onde veio a ameaça de morte nesta segunda-feira (8) enviada por anônimo ao e-mail do jornalista, publicitário e blogueiro de Marabá.

Leia a ameaça:

Hirochi, por muito menos coisas pessoas já morreram por falarem mal do coronel Ventura. Essa tua campanha contra o coronel pode prejudicar a tua família, teus entes queridos e pessoas a quem tu queres bem. Serra Pelada é um local onde muita gente possuem interesses em jogo, muito dinheiro jogado fora e que precisa ser recuperado. Cada vez que tu vai para o jornal e agora neste blog falar mal dos dirigentes das associações, tu coloca um monte de gente contra tu. Não pensa que os garimpeiros não ti acompanham, porque é um ledo engano.

Tudo que tu fala ou comenta na imprensa, na mesma hora chega ao conhecimento da Comigasp e de outras entidades que ti odeiam por defender o fechamento do garimpo.

Agora com a chegada do coronel Ventura venho te dizer: ele é a nossa salvação, e se tu ficar fazendo campanha contra ele, falando mal dele, repito, quem sofrerá as conseqüências é teus familiares.

Não fica querendo tirar uma de herói, babaca. A tua cama ti aguarda.

Equipe do Canal Futura em Parauapebas

Fotos: Waldyr Silva




Procedente do Rio de Janeiro, uma equipe do Canal Futura se encontra em Parauapebas desde domingo (7), até esta quarta-feira (10), gravando várias entrevistas com pacientes, médicos e outros profissionais de saúde sobre diabetes, hanseníase, hipertensão arterial, febre amarela e malária.

As gravações estão sendo feitas em calçadão, padaria, hospital municipal, posto de saúde e também em Serra Pelada, município de Curionópolis.

O Canal Futura é resultado da parceria entre organizações da iniciativa privada, unidas pelo compromisso de investir socialmente. Líderes nos seus segmentos, estas organizações promovem ações de efetivo impacto em áreas prioritárias da agenda nacional.

São mantenedores do Futura: Bayer Schering Pharma, Fundação Bradesco, CNI, CNN, CNT, Fiesp, Firjan, Fundação Itaú Social, Fundação Vale, Gerdau, Sebrae, TV Globo e Votorantim.

Parauapebas na Revista Bacana


Parauapebas figura na edição nº 6 da Revista Bacana (foto), que será lançada na próxima sexta-feira (12) no Hangar, em Belém, com show de Emílio Santiago, e estará nas bancas da capital do Estado a partir do dia 15.
A revista é editada por Marcelo Marques, o "Bacana", apresentador dos programas Bacana e Bacana Tur na TV RBA-Band; colunista do jornal Diário do Pará e titular dos sites www.programabacana.com.br e www.revistabacana.com.br.

Parlamentar defende Fé Bahá’í em plenário

Durante discurso em plenário no último dia 19 de novembro, o deputado federal Pompeo de Mattos (PDT-RS), foto, defendeu a Fé Bahá’í. Acompanhe alguns trechos do discurso:

Venho a esta tribuna destacar o trabalho de uma religião mundial, independente, que possui suas próprias regras e escrituras sagradas, surgida na antiga Pérsia, atual Irã, em 1844. A chamada Fé Bahá'í não possui dogmas, rituais, clero ou sacerdócio.

A Comunidade Bahá'í tem aproximadamente 7 milhões de adeptos, e é a segunda religião mais difundida no mundo, superada apenas pelo cristianismo, conforme afirma a Enciclopédia Britância. Os bahá'ís residem em 178 países, em praticamente todos os territórios e ilhas do globo.

A Comunidade Bahá'í, que está estabelecida no Brasil desde 1921, tem aqui um contingente de aproximadamente 57 mil pessoas. Tudo começou com a vinda da Sra. Leonora Holsapple Armstrong para o Brasil. Sra. Armstrong faleceu na Bahia, em 1980, e desde aquele ano Assembléias Legislativas Estaduais e Câmaras Municipais de Vereadores de diversas capitais e cidades brasileiras a têm homenageado, concedendo seu nome a praças e logradouros públicos. Dentre essas citamos Manaus, Vitória, Natal, Rolândia, Londrina, Juiz de Fora.

Hoje os bahá'ís integram as mais diversas classes sociais, culturais e econômicas, residentes em aproximadamente 1.215 cidades e municípios brasileiros, em todas as regiões.

A Comunidade é reconhecida no Brasil por estabelecer projetos de desenvolvimento econômico e social em diversas regiões do país.

Como parlamentar e presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, da Câmara dos Deputados, gostaria de expressar minha preocupação com prisões e perseguições impostas aos bahá'ís no Irã, onde muitos têm sido mantidos presos sem acesso a advogados, sem comunicação com suas famílias e sem que tenham qualquer acusação formal contra eles. Seu único "crime" é o de pertencer a uma religião não reconhecida pelo Estado iraniano.

Essas pessoas presas são cidadãos iranianos que formam um grupo que tinha como responsabilidade cuidar dos interesses comunitários dos bahá'ís no Irã, que conta com mais de 300 mil seguidores. Eram responsáveis por coordenar aulas de virtudes e reforço escolar para crianças, bem como reuniões de orações, funerais e outras atividades administrativas e de adoração.

Nobres colegas, já se passaram meses desde a prisão de um grupo, sem que se saiba em que condições está sendo mantido. E, agora, a informação que recebemos é de que eles teriam "confessado" ser espiões de Israel, organizados em um grupo anti-Islã e anti-Irã.

Quem conhece os bahá'ís sabe que eles não se envolvem em disputas políticas, sabe que eles são obedientes às leis nacionais sob as quais vivem. Tanto o é que aquele grupo de 7 bahá'ís atuava com o pleno conhecimento das autoridades iranianas, que desde 1979 baniu as instituições da Fé Bahá'í no Irã, assassinando seus membros eleitos naquele ano e em 1981.

Essas pessoas, presas no último 14 de maio, trabalhavam como voluntárias para ajudar seus correligionários e eram constantemente monitoradas em suas atividade. Mas nunca se negaram a prestar esclarecimentos sobre o que vinham fazendo. Mesmo assim, foram presas e estão correndo risco de vida pelo simples fato de pertencerem à Fé Bahá'í.

Caros colegas parlamentares, preciso dizer que esta é uma gravíssima violação de direitos humanos.

O governo brasileiro não pode ignorar ações violadoras como essas, provinda do Irã, que, como o Brasil, é signatário das convenções e tratados internacionais sobre direitos humanos.

De forma absurda, o governo iraniano tem acusado os bahá'ís de trabalharem como espiões do governo israelense como forma de justificar perante os muçulmanos o tratamento dispensado aos de Fé Bahá'í.

Os iranianos sabem que a ligação dos bahá'ís com Israel se dá meramente pelo fato de o profeta-fundador de sua Fé ter morrido naquela região há mais de 150 anos, após ter sido exilado pelo Império Otomano, na cidade de Acre.

A iraniana e muçulmana Shirin Ebadi, Prêmio Nobel da Paz, foi uma das que se levantaram para defender os bahá'ís do Irã. Em conseqüência, jornais iranianos acusam sua filha de se ter convertido do Islã para a Fé Bahá'í, ato considerado apostasia, sendo uma ofensa para o governo Islãmico do Irã, o que resulta em pena de morte.

Shirin Ebadi declarou que tem orgulho de dizer que sua família é xiita, mas que no tribunal ela defenderá os bahá'ís.

Em maio deste ano, a União Européia declarou "séria preocupação acerca da contínua e sistemática discriminação e perturbação aos bahá'ís do Irã por causa de sua religião".

No último dia 1º de agosto, o Parlamento dos Estados Unidos condenou a perseguição aos bahá'ís no Irã, com 407 votos a favor e apenas 3 contra.

Outras dezenas de países se manifestaram em defesa dos bahá'ís no Irã e espero realmente que o Brasil também se manifeste, pois o governo do Irã está preparando o corredor da morte para os bahá'ís e para os de outras minorias e grupos vulneráveis.

Sr. Presidente, informo que a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados está enviando uma manifestação à Embaixada do Irã no Brasil, transmitindo nossa séria preocupação quanto ao destino daqueles bahá'ís encarcerados.

Vale pára atividades em Carajás no dia 23

Informações procedentes de Carajás dão conta que a mineradora Vale reuniu nesta segunda-feira (8) com representantes das empresas terceirizadas e decidiu paralisar todas as atividades nas minas de Carajás a partir do dia 23 do corrente, com retorno previsto para o dia 5 de janeiro.

Próximo


segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Moradores da Vila Paulo Fonteles vivem um 'Dia de Cidadania no Campo'

A responsabilidade social esteve em destaque na vila Paulo Fonteles, município de Parauapebas, no último domingo (7). Os moradores desta localidade tiveram a oportunidade de tirar os documentos de identificação e garantir os direitos de cidadão, com a realização do “Dia de Cidadania no Campo”, uma ação da Prefeitura de Parauapebas e apoio da Vale e empresas terceirizadas do Projeto Salobo, novo empreendimento da mineradora na região.

A iniciativa surgiu a partir das dificuldades das empresas que prestam serviço para a Vale no Projeto Salobo em contratar mão-de-obra local pela falta de documentação. “A ação faz parte de um plano maior que visa valorizar os profissionais da região. Para realizá-la, além de identificar esta fragilidade, fizemos a mediação entre as empresas colaboradoras do Salobo e os órgãos públicos de Parauapebas para proporcionar esse exercício de cidadania”, explica Cláudia Lopes, analista de relações com a comunidade da Vale.

Durante a ação deste fim de semana, foram tiradas 86 fotos 3 x 4 e 143 documentos de identificação, entre carteira de identidade, CPF, carteira de trabalho, certidão de nascimento e cartão do cidadão; além do desenvolvimento de atividades que reforçam a educação ambiental, como a conscientização da importância do reaproveitamento de resíduos.

Para muitos moradores, o momento representa a primeira oportunidade de ser reconhecido como cidadão perante a sociedade. O trabalhador rural Antônio Santos aproveitou a ação para registrar a filha de apenas cinco meses de idade. “Devido ao trabalho diário e à distância do centro da cidade, ainda não tinha tido a oportunidade de fazer o registro, o que foi possível através deste evento”, comemora Antonio Santos.

domingo, 7 de dezembro de 2008

O gordo e a magra

CRÔNICAS DO PC

Para escrever a crônica com o título acima, foi bom lembrar-me da famosa dupla de cômico do cinema e televisão que fez sucesso por 26 anos, de l926 a 1950. Trata-se do americano Oliver Hardy e do inglês Stan Laurel, os famosos “o Gordo e o Magro”. No meu tempo de criança e adolescente, diverti-me bastante assistindo aos seus filmes. Eram eles e os “Três patetas” que mais me faziam rir.

Passados tantos anos, por feliz coincidência, liguei os saudosos humoristas a um caso de hoje. Quando fui bater à porta da casa de uma dupla, ou melhor, de um casal, marido e mulher, que, depois de conhecê-los, enchi várias folhas de papéis anotando o que presenciei entre os dois.

Por uma questão de ética, e não expor gratuitamente nomes de pessoas em meus escritos, vou chamá-los de Golias, o homem, baixo, gorducho, pesando 141 quilos, ela, a mulher, de nome Olívia, bem alta, magra, 39 quilos, sendo conhecida como “Vara-pau”, ficando bastante originais os nomes, dado o físico de cada um. São os autênticos Gordo e a Magra dos nossos dias.

Quando estão juntos, em casa ou em qualquer lugar, é uma “gracinha” vê-los de mãos dadas, abraçados, pelas diferenças físicas que apresentam. Um monte de gordura pelo lado masculino, uma carga de osso pelo lado feminino.

As cenas hilárias entre eles começam pela manhã durante o café. Golias, que lembra o pantófago Pantagruel, personagem do escritor francês Rabelais do século XVII, come naturalmente 12 ovos cozidos acompanhados de dois pães bengala, um litro de leite, um bule de café, enquanto Olívia (Palito) se conforma apenas com uma torrada acompanhada de uma xícara de chocolate diet e adoçante artificial.

No almoço, a cena é mais dramática. Um alguidar de médio tamanho e profundidade é abarrotado de arroz, feijão, carne, macarrão e verduras e entregue à voracidade de Golias, que, sentado em dois tamboretes, devora tudo sem pestanejar. Toma um litro de suco ou refrigerante, sorri e permanece sentado, sem ação. Satisfeito, bate na barriga, abre os braços e solta sucessivos arrotos, caindo em sono profundo, sentadinho mesmo.

Olívia limpa a mesa, volta para a cozinha e serve-se de duas colheres de arroz, duas folhas de alface, menos de um tomate, pepino, beterraba, couve-flor, senta-se e come pacientemente. Na sobremesa, bota na boca uma uva, mastiga meio talhada de mamão ou melão, e fica nisso mesmo. Nem água bebe. Faz sesta ao lado do marido, de mãos dadas com ele, deitada numa cadeira preguiçosa, na maior felicidade do mundo, os dois ressonando bem alto, os roncos confundindo-se com de um motor a diesel ligado. Fica interessante de se vê.

De um lado, o volumoso corpo do gordo Golias, estirado, lembrando um botijão de gás; do outro, aquela coisinha minguada da esposa Olívia parecendo um palito gigante.

Curtiam os descansos merecedores, após o almoço, satisfeitos por saberem que o primogênito estava a caminho. Sim, Olívia estava gestante de três meses. O que encabulava as pessoas mais chegadas a eles, deixando pensativas, fazendo conjecturas. É como conseguiram, dado a diferença física e desproporcional entre eles. Deve ter sido em torno de muito sacrifício, penso eu. Vocês não acham?

Pedro Cláudio de Moura Reis (PC) / E-mail: pcmourareis@yahoo.com.br

Revista Auge na região






Capa da 5ª edição da Revista Auge, com sede em Açailândia (MA), editada por Jane Vasconcelos, que se encontra na região divulgando seu trabalho.

sábado, 6 de dezembro de 2008

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Juíza recua e libera imprensa para cobrir diplomação de eleitos

Fotos: Waldyr Silva

Juíza Eline Vieira e prefeito Darci Lermen




Vereadora Francisângela Resende


Vereador Odilon Rocha


Vereador Wolner Wagner



Vereador José Alves

Depois de impedir a presença da imprensa na cerimônia de diplomação dos candidatos eleitos (prefeito, vice-prefeito e vereadores) na eleição deste ano, na manhã desta sexta-feira (5), a juíza Eline Salgado Vieira, titular da 75ª Zona Eleitoral, cedeu aos apelos dos diplomandos e resolveu liberar a minúscula sala dela no Cartório Eleitoral para que os repórteres pudessem entrar e cobrir a solenidade.
A priori, só poderiam entrar no cartório para receber os diplomas apenas os candidatos eleitos, mas poucos minutos antes do início da cerimônia a magistrada resolveu autorizar que esposas e maridos dos diplomandos acompanhassem seus companheiros e companheiras.
Os fotógrafos e repórteres ficaram do lado de fora da sala de solenidade por mais de uma hora, até que, provavelmente atendendo apelo dos vereadores, vice-prefeito e prefeito, a juíza autorizou que profissionais de imprensa adentrassem ao local e cobrissem o evento.
Apesar da tentativa de impedir a imprensa de participar da solenidade, a juíza Eline Vieira se mostrou bastante simpática durante a solenidade de diplomação, conduzindo a cerimônia com muita descontração.
Pela ordem, receberam diploma o prefeito Darci Lermen (PT) e o vice-prefeito Afonso Araújo (PP); os vereadores Faisal Houssein (PSDB), Antonio Massud (PTB), Percilia Martins (PRTB), Adelson Silva (PDT), Wolner Wagner (PSDC), Odilon Rocha (PMDB), Francisângela Resende (PMDB), Raimundo Vasconcelos (PT), Israel Miquinha (PT), José Alves (PT) e Euzébio Rodrigues (PT).
À medida que os diplomas iam sendo entregues, a juíza desejava sucesso ao beneficiado nos próximos quatro anos, enfatizando que a oposição praticasse política com responsabilidade e orientando que a situação procurasse atender os apelos da oposição.
Depois da diplomação dos eleitos de Parauapebas, a magistrada procedeu cerimônia idêntica com os candidatos eleitos de Canaã dos Carajás.

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Vagas de emprego

O Sine disponibiliza as seguintes vagas:
Ajudante de churrasqueiro (uma vaga)
Alinhador/balanceador (uma vaga)
Assistente administrativo financeiro (currículo) - uma vaga
Assistente de suprimento (currículos, c/ens. superior ou esteja cursando) - uma vaga
Atendente (masculino) - uma vaga
Atendentes (masc. com exp.) - duas vagas
Auxiliar contábil (exp. setor fiscal) - uma vaga
Auxiliar de cozinha (feminino, que não tenha filhos, que saiba fazer salgados) - uma vaga
Auxiliar de enfermagem (uma vaga)
Auxiliar de enfermagem do trabalho (currículo) - uma vaga
Bombeiro hidráulico (encanador) - duas vagas
Borracheiro (uma vaga)
Chapeiro (exp. mínima de 6 meses) - uma vaga
Designer gráfico (uma vaga)
Encarregado de cabeamento (experiência em liderar equipe, 2º grau, CNH) - uma vaga
Garçonete (c/ exp.)
Médico do trabalho (uma vaga)
Nutricionista (uma vaga)
Padeiros (c/PIS) - duas vagas
Saladeira (uma vaga)
Salgadeiro (a) - uma vaga
Secretária do lar (duas vagas)
Técnico de cabeamento (quatro vagas)
Técnico de enfermagem do trabalho (currículo) - uma vaga
Técnico de informática (1 ano de exp.) - três vagas
Técnico de instalação (três vagas)
Técnico de segurança do trabalho (duas vagas)
Técnico em nutrição
Técnico em refrigeração (uma vaga)
Torneiros mecânico (três vagas)
Vendedor (c/exp. em venda de motos) - uma vaga

Interessados devem se dirigir ao Sine, localizado à rua 11, entre as ruas D e E, bairro Cidade Nova, fone (94) 3346-2971, Parauapebas (PA)

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

CDL isenta taxa de 25 reais para repórteres cobrir Prêmio Mérito Lojista

Depois de exaustivas negociações da direção da Associação de Imprensa e Comunicação de Parauapebas (Aicop) com diretores da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), com relação à cobrança de taxa no valor R$ 25,00 para os repórteres poderem cobrir a festa do Prêmio Mérito Lojista, que ocorre no próximo sábado (6), finalmente a direção da CDL cedeu às pressões e decidiu não mais cobrar a taxa dos profissionais de imprensa.

Ficou acertado entre Aicop e CDL que serão cedidas credenciais para apenas um repórter de cada site e blog, dois repórteres de cada revista e jornal e três para profissionais de TV.

É importante lembrar aos associados da Aicop que hoje, quarta-feira (3), é o último dia para credenciamento de repórteres e representantes comerciais junto à CDL para cobertura da festa. O credenciamento, com foto do interessado, deve ser feito na sede da CDL, localizada ao lado da loja Opção, bairro Rio Verde.

Valeu, então, a luta da direção da Aicop, que foi contra a cobrança da taxa para confecção das credenciais, e a compreensão da CDL, que entendeu o apelo da categoria, abrindo mão da cobrança.

A todos, imprensa e organizadores do Prêmio Mérito Lojista, desejamos uma boa festa e bons negócios. Aos homenageados, nossos parabéns.

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Carreata orienta população para combater mosquito da dengue

Waldyr Silva

Carreata percorreu principais ruas da cidade

Em alusão ao Dia Nacional de Combate à Dengue, que transcorreu no último dia 28, a Secretaria Municipal de Saúde realizou no último sábado (28) uma grande carreata pelos principais bairros da cidade, chamando a atenção da população quanto a importância do combate ao mosquito vetor da dengue no município.

A concentração dos servidores da prefeitura ocorreu pela manhã na Praça de Eventos, de onde saiu a carreata com bonecos representando o mosquito da dengue pelas ruas 5, A, 14, Rio de Janeiro, Sol Poente, Santa Maria, Marabá, JK, Rua do Comércio, Sol Poente, 16, E e terminando na Praça de Eventos.

Durante o trajeto, os servidores e voluntários fizeram panfletagem, entregaram folders com informações sobre o combate ao mosquito da dengue e soltaram fogos de artifícios, chamando a atenção da comunidade.

De acordo com Evaldo Benevides, secretário municipal de Saúde, o combate ao mosquito da dengue deve acontecer dentro da casa de cada um dos habitantes de Parauapebas, uma vez que este ano foram registradas duas mortes causadas por dengue hemorrágica.

O secretário lamenta que algumas pessoas ainda achem que para combater a dengue basta tomar tilenol, “mas não é assim, pois é necessário que o paciente procure o hospital e, principalmente, faça a prevenção, limpando os quintais e conscientizando os vizinhos a fazer o mesmo”.

Segundo a enfermeira Núbia Lima, coordenadora da Vigilância Ambiental e Controle de Endemias, no mês de outubro deste ano o índice geral de infestação da doença em Parauapebas chegou a 3,8 casos entre 1000 pessoas.

A enfermeira explica que os bairros Maranhão, Cidade Nova, Liberdade, Beira Rio, Bela Vista e Betânia apresentaram índices maiores, chegando a 7,6 casos, enquanto o Ministério da Saúde preconiza apenas 1 caso da doença entre grupo de 1000 pessoas.

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

domingo, 30 de novembro de 2008

O golpe do malandro

CRÔNICAS DO PC

A tradicional família Pereira Sousa tinha membros espalhados por vários estados do Brasil. O nome era forte, respeitado, porque muitos dos que portavam o sobrenome conseguiram galgar posições de destaque no cenário político, agropecuário e industrial das regiões Norte e Nordeste.

Corria o ano de 1960. Algumas de suas figuras tornaram-se pessoas notórias ao se elegerem, um senador, outro governador, seis deputados federais e quatro deputados estaduais, além de dezenas de prefeitos em importantes cidades, inclusive em uma capital.

O nome Pereira Sousa tornou-se relevado, cheio de prestígio, riqueza e poder. Tinha mais uma particularidade que se tornou tradição: exigia-se que cada membro da família fosse exemplo de tudo, de honestidade, procedimentos e moral. Não se admitia transgressões por qualquer Pereira Sousa, por mais insignificante que fosse. Pai solteiro, mãe solteira, nem pensar!

O casamento constituía-se a única maneira de se viver a dois. Também estávamos nos anos 60.
Foi nessa ocasião que entra de gaiato na história da família o estudante Roberval, jovem, moderno, jogador de tênis em quadras de fundo de quintal, sem outra ocupação.

Pobre, vivia procurando oportunidade para melhorar de vida. Até que encontrou. Começou a namorar Zuleide, filha do prefeito Gonçalo Pereira Sousa, que administrava uma importante cidade.

Cheio de lábia, Roberval conseguiu conquistar o coração da garota, que se apaixonou perdidamente por ele. Seduziu-a tanto que um dia aconteceu o inesperado pela família. A menina inexperiente, apaixonada, não teve topete suficiente e cedeu aos encantos e investidas do bonitão, várias vezes. Bastou para sentir enjôos, cinqüenta e poucos dias depois da primeira.

Roberval, muito feliz e cheio de si, entrou radiante no café onde o esperavam os camaradas, e pra começo de conversa vai avisando que ficou noivo de moça prendada, de pais importantes e ricos.
Na certa, sua situação de liso acabaria brevemente.

Ninguém acreditou na conversa. Logo um pé-rapado igual e ele encontrar um partidão, duvidavam muito! E haja indagação: "Você encontrou, mesmo, alguma família que lhe quis por genro?"

"E por que não? Não sou bacana, charmoso, inteligente, e um futuro campeão da Taca Davis de Tênis, o que me tornará famoso e rico?"

"Larga de sonhar, ó malandro; você nasceu mesmo foi para viver na gandaia, entre nós", duvidou um dos amigos, que conhecia muito bem Roberval.

Outro ainda debochou: "Então, o pai da moça deve ter saído no mínimo da prisão, por algum mal feito".

"Nada disso. É o homem mais honesto desse país", rebateu Roberval.

"Vem a ser o caso. A mãe deve ter casa aberta, ou vender mingau na rua!"

"É a pessoa mais reta do mundo!"

"Nesse caso, a filha é um monstro? É corcunda? É maneta? É torta? É uma desiludida da vida?"

"É linda e pura como um anjo!"

E com aquela simplicidade própria das caras de pau, Roberval emendou: "Tem apenas um probleminha: está ligeiramente grávida, e para assegurar o meu futuro, o pai é o papai aqui".

Realmente. Para a família Pereira Sousa, quando o bucho de Zuleide apareceu foi aquela decepção toda, nunca antes acontecida. Não provocariam um escândalo, seria pior. E foram buscar o Roberval para casar, tudo acobertado, “debaixo de sete capas.”

Para encurtar conversa, Roberval transformou-se em um cidadão respeitado, optando pela carreira política. Foi eleito vereador e presidiu a Câmara Municipal por dois anos seguidos. Alguns de seus amigos tornaram-se assessores diretos no seu gabinete, reconhecendo que Roberval teve muita sorte em chegar aonde chegou.

Soube usar, no momento certo, a “cabecinha” e a cabeçorra.

Pedro Cláudio de Moura Reis (PC) / E-mail: pcmourareis@yahoo.com.br

sábado, 29 de novembro de 2008

Modelo de Parauapebas vence concurso Ford Models Brazil

A modelo Tayane Leão (foto), 14 anos, natural de Parauapebas (PA), foi a grande vencedora do concurso de beleza Ford Models Super of the World Model Brazil, realizado na última sexta-feira (28), em São Paulo, e transmitido ao vivo pela MTV.

Tayane foi escolhida por um corpo de jurados formado por personalidades brasileiras ligadas à moda, a artistas e a profissionais da mídia.

A modelo paraense vai agora concorrer à final mundial do concurso, em janeiro de 2009, em Montenegro (Europa).

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Academia de Letras do Sul e Sudeste do Pará elege primeira diretoria

Fotos: Waldyr Silva

João Brasil, Noé Atzingen, Manoel Rodrigues, Adalgisa Batista e Eduardo Castro


Parte dos membros e convidados da confraria

Composta por 30 cadeiras destinadas a autores da região que tenham obras publicadas, foi eleita na última terça-feira (25), em Marabá, a primeira diretoria da Academia de Letras do Sul e Sudeste do Pará, composta pelos "imortais" João Monteiro Brasil (presidente), Noé von Atzingen (secretário-geral), Manoel Rodrigues (primeiro-secretário), Adalgisa C. Batista (segunda-secretária) e Eduardo Castro (diretor de Finanças).

Além dos membros da diretoria acima, fazem parte da confraria escritores e poetas como Ademir Braz (Pagão), Paulo Bosco Rodrigues Jadão, Terezinha Guimarães, Pedro Cláudio de Moura Reis (PC), João Brasil Filho, Félix Urano (Tibirica), Ricardo Tavares Pinto, entre outros.

Das 30 vagas disponibilizadas pela Academia de Letras, vinte contemplam autores do município de Marabá e as outras dez se destinam a escritores de outros municípios das regiões sul e sudeste do estado.

Como as 30 cadeiras ainda não estão todas "ocupadas", a nova diretoria da Academia está recebendo currículo de escritores que tenham obras publicadas para análise e eventual inclusão na entidade.

O objetivo da Academia de Letras é reunir escritores da região como forma de associação para divulgar as obras dos autores, buscar patrocínio junto ao poder público e iniciativa privada para publicação dos trabalhos e integrar a confraria.

Procurando emprego?

O Sine está oferecendo as seguintes vagas em Parauapebas:

Ajudante de via permanente (quatro vagas)
Almoxarife (quatro vagas)
Assistente administrativo financeiro (uma vaga)
Assistente de RH (com exp. mínima de 1 ano) - uma vaga
Assistente de suprimento (uma vaga)
Atendente (duas vagas)
Atendente (duas vagas)
Auxiliar administrativo (duas vagas)
Auxiliar contábil (uma vaga)
Brocador (uma vaga)
Caixa (feminino) - uma vaga
Carpinteiro (três vagas)
Chapeiro (uma vaga)
Costureira (duas vagas)
Designer gráfico (uma vaga)
Encarregado de cabeamento (uma vaga)
Engenheiro de planejamento (uma vaga)
Garçonete (com experiência)
Impressor (uma vaga)
Mecânico (uma vaga)
Médico do trabalho (uma vaga)
Motorista (cinco vagas)
Nutricionista/Técnico em nutrição (uma vaga)
Operador de caixa (uma vaga)
Operador de patrol (com introdutório) - uma vaga
Operador de rolo compactador (com introdutório) - uma vaga
Padeiro (duas vagas)
Pedreiro de acabamento (uma vaga)
Repórter para cultura (uma vaga)
Salgadeiro (uma vaga)
Secretária do lar (duas vagas)
Técnico de cabeamento (quatro vagas)
Técnico de informática (três vagas)
Técnico de instalação (duas vagas)
Técnico de planejamento (duas vagas)
Técnico de segurança do trabalho (duas vagas)
Técnico em refrigeração (uma vaga)
Torneiro mecânico (três vagas)
Vendedor (com exp. em venda de motos) - uma vaga
Vigia (uma vaga)

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Culto marca 50 anos da atuação pastoral de Firmino Gouveia

Um culto em ação de graças no Templo Central da Assembléia de Deus em Belém, na rua 14 de Março, marcará neste sábado (29), a partir das 19 horas, as comemorações do jubileu de ouro do ministério pastoral do pastor Firmino Gouveia, 78 anos de idade.

Cerca de 500 pastores que compõem o colégio pastoral da igreja local deverão participar do culto. Além deles, estarão presentes pastores da Convenção de Pastores do Estado (Comieadepa), obreiros e importantes nomes ligados à Convenção Geral das Assembléias de Deus no Brasil (CGADB).

Livro
Também no sábado será lançado o livro “Firmino Gouveia – Arauto do fogo pentecostal”, organizado pelo pastor e escritor Rui Raiol. É uma biografia que alcança os 50 anos do pastorado de Firmino Gouveia.

Ordenado em 1º de dezembro de 1958, Firmino Gouveia é o membro nº 9 da Convenção Geral das Assembléias de Deus no Brasil e por 16 anos serviu à Convenção do Pará, sendo seu presidente de honra.

O pastor presidiu a igreja-mãe das Assembléias de Deus por 29 anos, fundou o Seminário Teológico e edificou um dos maiores e mais belos templos evangélicos do país. E tornou-se pioneiro na área de comunicação de rádio e TV no Brasil.

Em janeiro de 1997, passou a direção ao pastor Samuel Câmara, que permanece até hoje. (Fonte: Blog Espaço Aberto)

FBI e CIA investigam Jader Barbalho

Deu na coluna Painel, da Folha de S.Paulo de hoje (27):

Barrado
Jader Barbalho (PMDB-PA) tenta há seis meses obter visto de entrada nos EUA. O pedido vem sendo repetidamente rejeitado pela embaixada em Brasília. A razão para as negativas é uma investigação do FBI e da CIA sobre atividades do deputado.

Juíza decide não diplomar suplentes de vereador

A juíza Eline Salgado Vieira, titular da 75ª Zona Eleitoral, decidiu que não vai fazer a diplomação dos suplentes de vereadores, como vem ocorrendo em Parauapebas nos anos eleitorais.

A solenidade de diplomação do prefeito, do vice-prefeito e dos vereadores eleitos está marcada para o próximo dia 5 no cartório eleitoral, no período das 9 às 11 horas da manhã.

Segundo a magistrada, o suplente só será diplomado quando houver necessidade de o mesmo assumir o cargo de outro eleito. A Justiça Eleitoral tem prazo, até março do próximo ano, para diplomar os suplentes, não sendo obrigada a fazer isto agora.

Diplomação em Canaã
Tão logo termine a solenidade de diplomação em Parauapebas, a juíza se deslocará para Canaã dos Carajás, onde procederá, no período das 11 às 13 horas, a diplomação do prefeito, vice-prefeito e vereadores eleitos naquele município, que pertencem à mesma zona eleitoral.

Cinema em Movimento na região

Crianças, jovens e adultos têm um encontro marcado com o projeto Cinema em Movimento, uma ação gratuita que facilitará o acesso à sétima arte: o cinema.

Por meio de projeções de filmes brasileiros, curtas paraenses e animações, a Vale e a Cabloca Produções pretendem estimular a valorização do cinema nacional, nos municípios de Canaã dos Carajás, Parauapebas e Marabá.

A primeira parada do Cinema em Movimento será em Marabá, nesta sexta-feira, dia 28, a partir das 19 horas, no Galpão de Artes de Marabá.

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Cursos gratuitos

PROGRAMA BOLSA TRABALHO 2008
VAGAS PARA COMPLEMENTAR NOVAS TURMAS

Curso: Auxiliar de Escritório
Turma: 01
Vagas: 12
Período: 01-12-08 a 06-02-09
Horário: Das 11 às 15 horas
Local: Escola Marluce Massariol

Curso: Recepcionista
Turma: 01
Vagas: 21
Período: 01-12-08 a 06-02-09
Horário: Das 11 às 15 horas
Local: Escola Marluce Massariol

Curso: Eletricista de Alta e Baixa Tensão com NR 10
Turma: 01
Vagas: 13
Perpiodo: 01-12-08 a 06-02-09
Horário: Das 11 às 15 horas
Local: Escola Marluce Massariol

Curso: Vendedor de Comércio Varejista
Turma: 02
Vagas: 50
Período: 01-12-08 a 06-02-09
Horário: Das 11 às 15 horas
Local: Escola Marluce Massariol

Curso: Digitador
Turma: 01
Vagas: 13
Período: 01-12-08 a 06-02-09
Horário: Das 11 às 15 horas
Local: Escola Marluce Massariol

Curso: Soldador
Turma: 02
Vagas: 34
Período: 09-12-08 a 20-02-09
Horário: Das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas
Local: Ceup

Curso: Repositor de Mercadoria
Turma: 02
Vagas: 50
Período: 09-12-08 a 20-02-09
Horário: Das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas
Local: Ceup

Curso: Almoxarife
Turma: 02
Vagas: 35
Período: 09-12-08 a 20-02-09
Horário: Das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas
Local: Ceup

EXIGÊNCIAS
Ter idade de 18 a 29 anos; estar desempregado há pelo menos 6 meses; residir no Estado do Pará há pelo menos 3 anos; ter pelo menos 5 anos de escolaridade ou concluído no máximo há 5 anos o Ensino Médio e que não esteja cursando o ensino superior.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS
RG, CPF, Carteira de Trabalho, Certificado de Reservista (para homens), Comprovante de Residência, Comprovante de Escolaridade ou Declaração que esteja estudando.
OBS: Além de o curso ser totalmente gratuito, o aluno ainda ganha incentivo condicionado temporário no valor de 70 reais mensal.

PERÍODO DE INSCRIÇÃO
24 de novembro a 5 de dezembro de 2008

Seminário ‘Violência: Discutindo prevenção, atendimento às vítimas e reparação’

A violência a cada dia ganha mais robustez em suas várias formas, física e simbólica, como um fenômeno dos tempos modernos. Os sentimentos como insegurança e desesperança dominam o ambiente de lazer e trabalho. O Sistema de Justiça e de Segurança Pública demonstrasse incapaz de acompanhar as dinâmicas da sociedade.

A violência em seus diversos aspectos e as formas de prevenção e reparação às vítimas e seus familiares estão entre os temas do Seminário “Violência: Discutindo prevenção, atendimento às vítimas e reparação”, que ocorre nos dias 27 e 28, no Hotel Beira Rio, em Belém.

O evento é uma promoção da Sociedade Paraense de Defesa de Direitos Humanos (SDDH), em parceria com segmentos da sociedade civil e os governos federal e estadual.

Programação
27 de novembro de 2008
18 horas – Mesa de abertura: SEJUDH, SEDH, SDDH, Grupo de Prevenção à Violência (GPV) e Comitê Dorothy
19 horas – Conferência de abertura
Inácio Cano
Nilda Turra
20 horas – Cofee break

28 de novembro de 2008
8h30 às 9h30 – Conferência
Tema: Violência e criminalidade
Prof. dr. Reinaldo Nobre Pontes (Unama)
Jean François
9h30 às 12 horas – Mesa-redonda
Tema: Prevenção e atendimento às vítimas de violência
Coordenação: SDDH
Participação: SEJUDH, Segup, MP, DPE, GPV, Sedes, Sespa e Ouvidoria
12 às 12h30 – Debate
12h30 às 14 horas – Almoço
14 às 16h30 – Três GTs
Tema: Violência – Prevenção, atendimento e reparação
16h30 às 18 horas – Plenária

MAIORES INFORMAÇÕES
Léslie Carolina - MSN: lelecarusso@hotmail.com Cel.: (91) 8169-6253 / 9107-6367 / SDDH – 3225-1950
Rogério Almeida - (91) 8819-5172

Minc pede apoio à FSN para intervir em Paragominas

O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, solicitou ao ministro da Justiça, Tarso Genro, apoio da Força de Segurança Nacional (FSN) para intervir em Paragominas (PA), onde manifestantes realizaram, na última segunda-feira (24), uma manifestação contra fiscais do Ibama. Os fiscais haviam apreendido no município cerca de 400 metros cúbicos de madeira, carregados em 14 caminhões.

Minc anunciou que o MMA não vai recuar na investida que vem fazendo contra os crimes ambientais. “Pelo contrário, vamos intensificar as ações e punir os responsáveis”, garantiu o ministro.

A manifestação feita por cerca de 3 mil pessoas contra fiscais do Ibama é a resposta dos desmatadores à Operação Rastro Negro, que apreendeu no município cerca de 400 metros cúbicos de madeira carregados em 14 caminhões, na madrugada de domingo, dia 23.

Há indícios de que a madeira tenha vindo de uma reserva indígena, por conta da essência maçaranduba, que só é encontrada na reserva indígena próxima à estrada da Caipe, onde os infratores foram flagrados.

De acordo com Marco Antonio Vidal, fiscal do Ibama, os manifestantes atearam fogo na garagem do escritório do órgão, onde estavam quatro veículos, duas L-200, um Fiat e um Fusca, além de depredarem o prédio, roubarem os caminhões com as toras e conduzir tratores, pás carregadeiras e caminhões até o hotel para intimidar os fiscais.

"Eles depredaram os móveis, equipamentos do escritório e queimaram os processos que estavam lá. Ainda tentaram invadir o hotel onde estamos hospedados, arrancando o portão de entrada com o trator e ateando fogo na entrada, mas foram impedidos de continuar, por causa das bombas de gás lacrimogêneo que foram lançadas pela Polícia Militar", conta Vidal.

Segundo o coordenador geral de fiscalização do Ibama, Luciano Evaristo, em resposta aos atentados, “iremos intensificar as fiscalizações para coibir o desmatamento e o roubo de madeira das terras indígenas da região, aumentando a presença do estado na área. Já fizemos o pedido à Polícia Federal, que está em Altamira com a operação Arco de Fogo, junto com a Força Nacional de Segurança, para se deslocarem para o local”.

A Operação Rastro Negro, que deu origem a essa série de acontecimentos, está sendo realizada em Paragominas desde o dia 28 de outubro com o objetivo de combater a produção, transporte e comércio ilegal de carvão vegetal no estado.

Até o momento, a equipe destruiu mais de 200 fornos de carvão ilegais, apreendeu 120 metros cúbicos de carvão vegetal, e aplicou multas que somam mais de 2 milhões de reais. (Gerusa Barbosa, assessora de Comunicação do MMA)

Educação


segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Vote na modelo de Parauapebas

A modelo Tayane Leão Melo, de Parauapebas, está concorrendo com 15 garotas de todo o Brasil à final do concurso de beleza Supermodel 2008, em São Paulo, dia 29 do corrente.

Para ajudar a modelo parauapebense a se classificar, acesse o link e vote em Tayane: http://mtv.uol.com.br/supermodel/meninas

domingo, 23 de novembro de 2008

Águia perde para Guarani e fica fora da segunda divisão

O time do Águia de Marabá acaba de perder por 2 a 1 para o Guarani (SP) e fica fora da segunda divisão, classificando-se na quinta posição da série C do campeonato brasileiro da terceira divisão.

sábado, 22 de novembro de 2008

Nem todos os homens são durões

CRÔNICAS DO PC

No bairro onde resido, sou vizinho de um casal de aposentados, senhor Félix e dona Rosário.

Os dois são muito conhecidos e queridos em toda a cidade, pela simplicidade da vida que levam e tratar bem quem quer que seja. Por tudo isso, os dois ganharam o respeito e admiração de ricos e pobres. Uma das qualidades que os enobrecem é sempre a solidariedade nos momentos em que se precisa de ajuda.

O casal não tem filhos, dado a situação estéril de Rosário. Ela nunca quis tentar gravidez artificial, pelo simples fato de acreditar em milagres. Tinham muita fé. Se Deus assim determinasse, Rosário pegaria barriga um dia.

Passados alguns anos, agora estavam desvanecidos. A idade não permitia mais. Rosário acabara de completar 45 anos, começando a sentir os efeitos, que achava ser da menopausa.

No entanto, nada os abalava e viviam felizes, solidários, compartilhando a vida de um para o outro.

Quem vê Rosário assim, fora de casa, tão educada e tratável, acredita ser pessoa de excelente comportamento, uma companheira excelente ao lado do esposo querido. Seria injusto afirmar-se o contrário.

É mais ou menos assim. Só um pormenor. Dentro de casa, Rosário trata Félix de maneira muito rígida, porque conheceu desde cedo ele ser uma pessoa obediente a seus caprichos. E sabem como é! Mulher só quer encontrar uma brechinha para tomar conta da situação e mandar no homem. É próprio delas mesmas. Da natureza de cada uma para se vingar de um passado de subserviência, quando não tinham vez e viviam submissas, sujeitas aos caprichos do companheiro, obedecendo cegamente a suas ordens.

Como não sou machista, acho que a mulher merece o espaço que adquiriu com todas as conquistas de se igualar aos homens, tendo os mesmos direitos. Só não concordo de o cara ser dominado, ter um amor maior, paixão, seja lá o que for, transformando-se em homem humildemente submisso, e tornar-se um joguete nas mãos da companheira.

Mas, é isso mesmo! Quem manda no mundo nascer pessoas com o gênio passivo de um senhor Félix, não estando nem aí para os caprichos da esposa!?

Depois de muitos anos de vida a dois, ele sempre dando duro no trabalho, até se aposentar, poderia muito bem assumir o papel de doméstico, fazendo todos os serviços da casa, cuja intenção era agradar a mulher. Não ligava para os falatórios dos vizinhos, principalmente o lero-lero de cabras bestas, linguarudos, e que vivem de comentar a vida alheia, na inconveniência de nada poderem ver e ficar calados. Ao contrário, andam de olhos arregalados, prestando atenção ao que os outros fazem, só para botar a boca no mundo e contar fuxico.

O senhor Félix não tem vergonha de dizer. É de praxe todos os dias pela manhã receber das mãos de dona Rosário a lista dos procedimentos a realizar durante o dia. No decorrer da manhã faz o café, lava a roupa, pratos, talheres, limpa a casa, faz a comida. Executa todas as obrigações, alegre, satisfeito, sempre cantarolando as músicas que estão nas paradas de sucessos das rádios FM da cidade.

Ao meio dia, chama Rosário no quarto do casal, que desde às 8 horas está preocupada em anotar os assuntos do dia divulgados nos programas femininos da TV Mulher e serve o almoço na mesa da sala de jantar, regado a vinho brasileiro, produzido no Vale do Rio São Francisco.

Numa ocasião dessas, após as refeições e da sesta do começo da tarde, Rosário sentiu-se mal, começando uma crise de náuseas e vômitos. Félix tentou vários recursos caseiros, fazendo chás, todavia nada debelou o mal repentino da mulher. Não perdeu mais tempo, levou-a imediatamente a um hospital. Examinado por um clínico, foi internada para observação e exames de rotina. Félix, preocupado, permaneceu ao seu lado como acompanhante. Somente no outro dia pela manhã saíram os resultados dos exames. Tudo bem. Nada de grave para preocupar, Apenas um exame de urina tinha de ser refeito. Os médicos estavam descrentes do resultado. Poderia haver erro.

Após a repetição de um “planotest” e “ultra-som”, fora confirmado: Rosário estava grávida, aos 45 anos. Um fato raro, principalmente em se tratando de uma mulher considerada estéril.

Senhor Félix e dona Rosário receberam a notícia, ficando os dois eufóricos, sem querer acreditar na verdade. Só poderia ter acontecido o tão esperado milagre.

Durante a gestação, dona Rosário foi bem cuidada, por tratar-se de uma gravidez de risco. Nove meses depois, a criança nasceu de parto normal. Era um lido garoto. Ainda no leito da maternidade, ela chamou o marido para dizer-lhe: “Coloque uma doméstica para tomar conta da casa. A partir de agora, você vai cuidar somente de mim e do bebê”.

E o homem, feliz, transformou-se numa babá, fazendo tudo direitinho. Limpando a criança, trocando fraldas, dando banhos e cuidando muito bem da querida esposa, até os dias de hoje.

Pedro Cláudio de Moura Reis (PC) / E-mail: pcmourareis@yahoo.com.br

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

MP discorda de licença ambiental para construção de termoelétrica no Pará

O Ministério Público (MP) do Pará discorda da licença ambiental concedida à Vale para construção de uma usina termoelétrica, no município de Barcarena, e poderá entrar com ação na justiça solicitando a suspensão do projeto. A licença foi liberada pelo Conselho Estadual de Meio Ambiente do Pará (Coema), por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente.

Para o promotor Raimundo Morais, a usina termoelétrica de Barcarena representa uma ameaça ambiental por causa da grande quantidade de carbono que será despejada na atmosfera.

"São mais de dois milhões e meio de toneladas de carbono por ano, o que significa um volume equivalente à emissão de todos os carros do Rio de Janeiro durante um ano", anunciou o promotor.

A Vale informou, por meio da sua assessoria de imprensa, que os padrões adotados nos estudos de emissão de gases da futura usina estão de acordo com critérios do Banco Mundial e do Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama). A empresa assegura ainda que a termoelétrica vai utilizar tecnologia limpa e moderna que reduzem, em mais de 90%, as emissões de carbono.

Raimundo Morais discorda das explicações da Vale sobre a tecnologia que será usada na termoelétrica para reduzir a emissão de gases de carbono.

"As melhores tecnologias são muito mais eficientes do que essa que a Vale está apresentando. Como ela é mais cara, a Vale optou pela mais barata, que é mais suja. É muito fácil você gerar energia, gerar riqueza, transferindo para a sociedade os custos desse processo", observou o promotor. (Leandro Martins/Rogério Almeida)