terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Salário mínimo

Mega-Sena da Virada: apostas podem ser feitas até 14 h do dia 31

A Caixa Econômica Federal resolveu antecipar das 18 h para as 14 h (horário de Brasília) do dia 31/12 o término do prazo para as apostas da Mega-Sena da Virada. O novo horário tem o objetivo de dar tempo para que, antes do sorteio, seja anunciado o valor do prêmio, que deverá chegar a R$ 100 milhões.

Este será o maior valor pago na história de todas as loterias da América Latina e, mesmo que ninguém acerte os seis números, o prêmio será dividido entre todos os que acertarem cinco números.

Até a manhã de segunda-feira (28) a Caixa Econômica registrou 20 milhões de bilhetes para o concurso. (Agência Rio)

Réveillon na praça

No tradicional réveillon que a Prefeitura de Parauapebas oferece todos os anos à população na Praça de Eventos, este ano a comunidade vai contar, na noite de 31 de dezembro a 01 de janeiro, com shows de MC Lobato, Monteirinho do Acordeon, Forró Chocolate, Tecnomania e, à meia-noite, show pirotécnico.

A programação está prevista para iniciar às 20 horas e encerrar no final da madrugada do primeiro dia de 2010.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Pré-temporada do Águia de Marabá em Curionópolis

Marabá - Visando a disputa do Parazão do próximo ano, o representante do sudeste do Pará na competição, Água de Marabá, viaja nesta terça-feira (29) para Curionópolis, onde realiza pré-temporada de treinamento até o dia 15 de janeiro, antevéspera da estreia no Parazão.

É pretensão de o treinador João Galvão (foto) realizar três amistosos durante a pré-temporada como parte da preparação dos jogadores. Entretanto, os adversários ainda não foram confirmados, exceto a Seleção de Curionópolis, cujo prefeito Wenderson Chamon está dando apoio ao Águia de Marabá durante a estada do time marabaense naquela cidade.

Para Galvão, apesar do pouco tempo que dispõe para treinar o time, será possível acreditar em um bom desempenho da equipe durante os certames do próximo ano.

“Estamos com boa expectativa para realizarmos uma excelente temporada. No entanto, não podemos vacilar, mas trabalhar com muita dedicação e humildade para mantermos o Águia entre os melhores times do estado”, declarou João Galvão. (Bira Ramos)

domingo, 27 de dezembro de 2009

Concursos no Amazonas vão exigir diploma de Jornalismo

A Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas aprovou na nesta semana projeto de lei que torna obrigatória a exigência do diploma de Jornalismo em concursos públicos realizados no estado. O texto foi aprovado por unanimidade e segue para sanção do governador Eduardo Braga (PMDB).

“Pelas informações que temos, o governador vai sancionar o projeto”, informa o presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Amazonas, César Wanderley.

Além do diploma, o projeto, de autoria do deputado estadual Sabá Reis (PR), exige o registro profissional no Ministério do Trabalho para os candidatos aos cargos de jornalistas nos órgãos públicos.

“É uma vitória para os jornalistas com formação”, comemora o sindicalista.

O presidente do sindicato informa que, após a decisão do Supremo Tribunal Federal, órgãos públicos do estado realizaram seleções sem a exigência do curso superior em Jornalismo.

“O edital para o concurso da TV Cultura exigia diploma de nível superior com registro profissional ou dois anos de experiência. Nós pedimos a retificação do edital, mas a Justiça negou”, conta, lembrando ainda que a própria Assembleia Legislativa preparava um edital no qual exigia apenas o segundo grau para o exercício da função, mas que foi modificado. (Comunique-se)

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Pebinha de Açúcar doa 3 ton de alimentos para famílias carentes


Bariloche entrega alimentos para duas donas-de-casa

Em mais uma ação beneficente, a direção do site de cobertura de eventos e notícias de Parauapebas, "Pebinha de Açúcar", doou na manhã da última quarta-feira, 23, aproximadamente três toneladas de alimentos não perecíveis divididas em dezenas de cestas básicas.

A entrega, que ficou sob a responsabilidade dos diretores do site Bariloche Silva e Douglas Silva, com o apoio de alunos do terceiro ano da escola estadual Marluce Massariol, aconteceu nas dependências do morro "Alto Bonito" e em quadras do bairro "Casas Populares".

Os alimentos doados foram arrecadados durante o Baile Havaiano realizado no último dia 18 na escola Marluce Massariol com a organização do Site Pebinha de Açúcar, em parceria com alunos do terceiro ano do estabelecimento escolar.

Esta foi a segunda vez que o site Pebinha de Açúcar pratica gesto de solidariedade. No primeiro semestre deste ano, a direção do site distribuiu cerca de uma tonelada de alimentos por ocasião da II Noite do Blackout, que comemorou o primeiro aniversário do site que é considerado o melhor e mais acessado de Parauapebas.

FELIZ NATAL

Que as luzes que brilharam no nascimento do Menino Jesus possam refletir também na vida de cada ser humano, proporcionando paz em todos os corações.

Que possamos continuar juntos em 2010, levando informações para a comunidade leitora deste espaço.

Feliz Natal!

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Gabaritos do concurso da Prefeitura de Parauapebas

Cargo: Agente de Fiscalização
LÍNGUA PORTUGUESA: 01D, 02A, 03C, 04B, 05D, 06D, 07C, 08A, 09A, 10A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11D, 12A, 13D, 14C, 15B
MATEMÁTICA: 16C, 17B, 18D, 19B, 20C
LEGISLAÇÃO: 21C, 22A, 23C, 24B, 25C, 26B, 27C, 28D, 29D, 30C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31B, 32A, 33D, 34A, 35B, 36A, 37D, 38C, 39A, 40B

Cargo: Desenhista Projetista
LÍNGUA PORTUGUESA: 01D, 02A, 03C, 04B, 05D, 06D, 07C, 08A, 09A, 10A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11D, 12A, 13D, 14C, 15B
MATEMÁTICA: 16C, 17B, 18D, 19B, 20C
LEGISLAÇÃO: 21C, 22A, 23C, 24B, 25C, 26B, 27C, 28D, 29D, 30C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31C, 32B, 33A, 34D, 35A, 36C, 37D, 38B, 39C, 40D

Cargo: Fiscal de Controle Ambiental
LÍNGUA PORTUGUESA: 01D 02A 03C 04B 05D 06D 07C 08A 09A 10A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11D 12A 13D 14C 15B
MATEMÁTICA: 16C 17B 18D 19B 20C
LEGISLAÇÃO: 21C 22A 23C 24B 25C 26B 27C 28D 29D 30C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31C 32B 33A 34D 35A 36C 37D 38B 39C 40D

Cargo: Fiscal de Urbanismo
LÍNGUA PORTUGUESA: 01D 02A 03C 04B 05D 06D 07C 08A 09A 10A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11D 12A 13D 14C 15B
MATEMÁTICA: 16C 17B 18D 19B 20C
LEGISLAÇÃO: 21C 22A 23C 24B 25C 26B 27C 28D 29D 30C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31A 32B 33D 34C 35A 36D 37B 38C 39D 40A

Cargo: Fiscal de Vigilância Sanitária
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 D / 02 A / 03 C / 04 B / 05 D / 06 D / 07 C / 08 A / 09 A / 10 A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11 D / 12 A / 13 D / 14 C / 15 B
MATEMÁTICA: 16 C / 17 B / 18 D / 19 B / 20 C
LEGISLAÇÃO: 21 C / 22 A / 23 C / 24 B / 25 C / 26 B / 27 C / 28 D / 29 D / 30 C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31 C / 32 A / 33 B / 34 C / 35 A / 36 C / 37 B / 38 A / 39 C / 40 B

Cargo: Técnico Agrícola
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 D / 02 A / 03 C / 04 B / 05 D / 06 D / 07 C / 08 A / 09 A / 10 A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11 D / 12 A / 13 D / 14 C / 15 B
MATEMÁTICA: 16 C / 17 B / 18 D / 19 B / 20 C
LEGISLAÇÃO: 21 C / 22 A / 23 C / 24 B / 25 C / 26 B / 27 C / 28 D / 29 D / 30 C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31 C / 32 D / 33 B / 34 B /35 C / 36 A / 37 D / 38 A / 39 C / 40 A

Cargo: Técnico de Enfermagem
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 D / 02 A / 03 C / 04 B / 05 D / 06 D / 07 C / 08 A / 09 A / 10 A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11 D / 12 A / 13 D / 14 C / 15 B
MATEMÁTICA: 16 C / 17 B / 18 D / 19 B / 20 C
LEGISLAÇÃO: 21 C / 22 A / 23 C / 24 B / 25 C / 26 B / 27 C / 28 D / 29 D / 30 C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31 C / 32 A / 33 A / 34 B / 35 A / 36 C / 37 D / 38 C / 39 B / 40 D

Cargo: Técnico de Laboratório
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 D / 02 A / 03 C / 04 B / 05 D / 06 D / 07 C / 08 A / 09 A / 10 A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11 D / 12 A / 13 D / 14 C / 15 B
MATEMÁTICA: 16 C / 17 B / 18 D / 19 B / 20 C
LEGISLAÇÃO: 21 C / 22 A / 23 C / 24 B / 25 C / 26 B / 27 C / 28 D / 29 D / 30 C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31 D / 32 A / 33 C / 34 A / 35 C / 36 A / 37 D / 38 C / 39 B / 40 C

Cargo: Técnico de Radiologia
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 D / 02 A / 03 C / 04 B / 05 D / 06 D / 07 C / 08 A / 09 A / 10 A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11 D / 12 A / 13 D / 14 C / 15 B
MATEMÁTICA: 16 C / 17 B / 18 D / 19 B / 20 C
LEGISLAÇÃO: 21 C / 22 A / 23 C / 24 B / 25 C / 26 B / 27 C / 28 D / 29 D / 30 C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31 C / 32 A / 33 A / 34 C / 35 A / 36 D / 37 A / 38 D / 39 D / 40 D

Cargo: Técnico em Agroindústria
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 D / 02 A / 03 C / 04 B / 05 D / 06 D / 07 C / 08 A / 09 A / 10 A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11 D / 12 A / 13 D / 14 C / 15 B
MATEMÁTICA: 16 C / 17 B / 18 D / 19 B / 20 C
LEGISLAÇÃO: 21 C / 22 A / 23 C / 24 B / 25 C / 26 B / 27 C / 28 D / 29 D / 30 C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31 B / 32 D / 33 A / 34 C / 35 D / 36 A / 37 B / 38 B / 39 C / 40 C

Cargo: Topógrafo
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 D / 02 A / 03 C / 04 B / 05 D / 06 D / 07 C / 08 A / 09 A / 10 A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11 D / 12 A / 13 D / 14 C / 15 B
MATEMÁTICA: 16 C / 17 B / 18 D / 19 B / 20 C
LEGISLAÇÃO: 21 C / 22 A / 23 C / 24 B / 25 C / 26 B / 27 C / 28 D / 29 D / 30 C
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 31 B / 32 C / 33 D / 34 A / 35 B / 36 C / 37 C / 38 B / 39 D / 40 A

Cargo: Técnico Administrativo
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 D / 02 A / 03 C / 04 B / 05 D / 06 D / 07 C / 08 A / 09 A / 10 A
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11 D / 12 B / 13 A / 14 C / 15 D / 16 A / 17 C / 18 B
MATEMÁTICA: 19 C / 20 B / 21 D / 22 B / 23 C / 24 A / 25 D
LEGISLAÇÃO: 26 B / 27 C / 28 B / 29 D / 30 A / 31 C / 32 B / 33 B / 34 C / 35 C
36 B / 37 C / 38 D / 39 D / 40 C

Cargo: Auxiliar Administrativo
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 B / 02 D / 03 C / 04 B / 05 C / 06 C / 07 A / 08 D / 09 A / 10 D
NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 11 C / 12 B / 13 D / 14 B / 15 A / 16 C / 17 A / 18 D
MATEMÁTICA: 19 A / 20 B / 21 D / 22 C / 23 D / 24 A / 25 C
LEGISLAÇÃO: 26 B / 27 C / 28 C / 29 D / 30 D / 31 A / 32 C / 33 D / 34 B / 35 A / 36 A / 37 D / 38 C / 39 B / 40 B

Cargo: Administrador
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 B / 02 C / 03 B / 04 B / 05 D / 06 D / 07 A / 08 C / 09 D / 10 B
LEGISLAÇÃO: 11 C / 12 D / 13 D / 14 B / 15 C / 16 C / 17 D / 18 A / 19 D / 20 B / 21 C / 22 A / 23 B / 24 C / 25 B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26 C / 27 D / 28 D / 29 A / 30 B / 31 D / 32 C / 33 B / 34 C / 35 C / 36 D / 37 A / 38 B / 39 A / 40 D / 41 D / 42 A / 43 D / 44 B / 45 A / 46 B / 47 C / 48 A / 49 D / 50 B

Cargo: Analista Ambiental
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 B / 02 C / 03 B / 04 B / 05 D / 06 D / 07 A / 08 C / 09 D / 10 B
LEGISLAÇÃO: 11 C / 12 D / 13 D / 14 B / 15 C / 16 C / 17 D / 18 A / 19 D / 20 B / 21 C / 22 A / 23 B / 24 C / 25 B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26 A / 27 B / 28 D / 29 C / 30 C / 31 D / 32 B / 33 A / 34 D / 35 C / 36 A / 37 C / 38 A / 39 B / 40 C / 41 B / 42 D / 43 B / 44 C / 45 D / 46 C / 47 A / 48 A / 49 D / 50 D

Cargo: Analista de Sistemas
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16 C17 D18 A19 D20 B21 C22 A23 B24 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26B 27C 28D 29A 30C 31B 32B 33D 34D 35C 36A 37B 38A 39C 40A 41D 42B 43A 44A 45B 46D 47C 48C 49B 50D

Cargo: Arquiteto
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27C 28C 29B 30A 31D 32B 33A 34A 35B 36C 37A 38D 39D 40B 41B 42C 43D 44A 45B 46D 47C 48C 49A 50A

Cargo: Assistente Social
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26B 27A 28C 29A 30D 31B 32A 33D 34D 35D 36B 37C 38A 39B 40A 41C 42A 43D 44C 45B 46A 47B 48A 49C 50D

Cargo: Biomédico
LÍNGUA PORTUGUESA: 01 B 02 C 03 B 04 B 05 D 06 D 07 A 08 C 09 D 10 B
LEGISLAÇÃO: 11 C 12 D 13 D 14 B 15 C 16 C 17 D 18 A 19 D 20 B 21 C 22 A 23 B 24 C 25 B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26 D 27 B 28 C 29 C 30 A 31 D 32 B 33 B 34 A 35 B 36 A 37 C 38 C 39 B 40 A 41 B 42 D 43 C 44 B 45 C 46 B 47 C 48 C 49 A 50 B

Cargo: Contador
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27A 28C 29B 30D 31C 32A 33B 34C 35B 36D 37C 38B 39D 40B 41A 42C 43B 44D 45A 46C 47B 48C 49D 50D

Cargo: Economista
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26C 27D 28A 29D 30B 31C 32C 33D 34B 35B 36C 37A 38C 39B 40D 41C 42D 43B 44B 45C 46C 47C 48B 49C 50A

Cargo: Enfermeiro
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26B 27D 28C 29D 30C 31D 32A 33D 34B 35D 36D 37A 38C 39D 40A 41A 42C 43B 44D 45A 46B 47C 48D 49B 50D

Cargo: Engenheiro Agrônomo
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27B 28A 29B 30B 31C 32D 33C 34C 35A 36B 37D 38D 39B 40C 41A 42B 43D 44C 45A 46B 47C 48B 49D 50B

Cargo: Engenheiro Civil
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26C 27D 28D 29A 30C 31A 32C 33D 34A 35C 36C 37B 38B 39D 40B 41D 42C 43C 44B 45B 46D 47B 48A 49B 50D

Cargo: Farmacêutico Bioquímico
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26C 27B 28D 29A 30B 31D 32A 33C 34D 35C 36A 37B 38A 39D 40C 41B 42B 43D 44A 45C 46C 47A 48B 49D 50C

Cargo: Fisioterapêuta
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26A 27D 28A 29D 30B 31C 32C 33D 34A 35B 36B 37D 38C 39D 40B 41C 42B 43C 44B 45C 46A 47C 48D 49A 50A

Cargo: Fonoaudiólogo
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26C 27B 28A 29D 30A 31D 32B 33A 34D 35C 36C 37B 38D 39B 40B 41C 42B 43A 44B 45D 46B 47C 48A 49C 50C

Cargo: Jornalista
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27A 28C 29A 30D 31D 32A 33C 34A 35B 36D 37A 38D 39D 40A 41B 42B 43C 44A 45A 46C 47A 48C 49A 50A

Cargo: Médico Clínico Geral
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26A 27D 28B 29B 30C 31C 32B 33A 34D 35A 36B 37C 38D 39B 40A 41C 42D 43A 44B 45A 46B 47C 48B 49C 50C

Cargo: Médico com Especialidade em Cardiologia
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26B 27D 28A 29C 30C 31B 32A 33C 34B 35C 36D 37A 38D 39C 40A 41D 42C 43A 44B 45D 46A 47D 48C 49D 50B

Cargo: Médico com Especialidade em Cirurgia
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26B 27A 28B 29B 30A 31D 32B 33C 34A 35B 36A 37C 38B 39A 40B 41D 42A 43C 44D 45C 46B 47C 48A 49D 50A

Cargo: Médico com Especialidade em Dermatologia
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26C 27D 28D 29C 30C 31B 32B 33D 34D 35C 36C 37D 38A 39D 40C 41B 42C 43D 44D 45B 46A 47C 48B 49A 50C

Cargo: Médico com Especialidade em Ginecologia e Obstetrícia
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26C 27B 28D 29A 30C 31D 32A 33D 34D 35A 36D 37D 38C 39A 40C 41B 42A 43B 44C 45D 46A 47B 48B 49C 50D

Cargo: Médico com Especialidade em Nefrologia
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27A 28C 29B 30D 31D 32B 33A 34A 35B 36B 37C 38D 39A 40D 41A 42A 43A 44C 45D 46B 47D 48C 49A 50C

Cargo: Médico com Especialidade em Ortopedia
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27C 28D 29A 30C 31B 32A 33D 34A 35C 36A 37C 38D 39C 40D 41A 42C 43C 44A 45A 46C 47B 48B 49D 50D

Cargo: Médico com Especialidade em Pediatria
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26B 27A 28D 29A 30C 31A 32B 33C 34D 35A 36C 37D 38C 39D 40B 41A 42C 43D 44B 45C 46A 47D 48A 49B 50B

Cargo: Médico com Especialidade em Urologia
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27C 28B 29C 30A 31D 32A 33D 34C 35C 36D 37A 38C 39D 40A 41B 42A 43B 44D 45D 46C 47A 48C 49B 50C

Cargo: Médico Veterinário
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27A 28C 29D 30A 31A 32C 33D 34B 35C 36D 37A 38C 39A 40D 41C 42B 43B 44D 45B 46C 47A 48D 49B 50A

Cargo: Nutricionista
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27A 28C 29B 30D 31C 32B 33C 34C 35C 36D 37B 38B 39A 40D 41B 42D 43A 44B 45C 46A 47A 48D 49C 50A

Cargo: Odontólogo
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26A 27C 28C 29B 30C 31B 32C 33B 34D 35C 36B 37D 38A 39B 40C 41C 42A 43A 44C 45D 46B 47D 48D 49B 50D

Cargo: Psicólogo
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26A 27C 28B 29D 30B 31A 32C 33D 34A 35C 36B 37D 38A 39B 40C 41D 42A 43C 44B 45D 46A 47C 48B 49D 50A

Cargo: Sociólogo
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17NULA 18NULA 19NULA 20NULA 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26D 27A 28D 29A 30C 31D 32D 33C 34C 35C 36C 37B 38B 39A 40A 41D 42A 43D 44B 45C 46B 47B 48D 49C 50A

Cargo: Tecnólogo em Saúde Pública
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26C 27C 28D 29A 30B 31B 32A 33D 34D 35B 36C 37B 38A 39C 40D 41A 42C 43D 44B 45A 46C 47A 48D 49A 50B

Cargo: Zootecnista
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
LEGISLAÇÃO: 11C 12D 13D 14B 15C 16C 17D 18A 19D 20B 21C 22A 23B 24C 25B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 26A 27B 28C 29C 30D 31 B32 33B 34D 35C 36D 37A 38C 39B 40C 41B 42B 43A 44C 45B 46A 47B 48D 49D 50C

Cargo: Procurador Municipal
LÍNGUA PORTUGUESA: 01B 02C 03B 04B 05D 06D 07A 08C 09D 10B
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 11D 12D 13C 14C 15A 16B 17A 18C 19A 20D 21B 22B 23A 24D 25C 26C 27A 28A 29B 30B 31B 32C 33A 34D 35B 36C 37B 38C 39A 40D 41B 42A 43C 44C 45D 46A 47C 48A 49B 50D 51D 52C 53B 54B 55A 56C 57D 58A 59A 60D

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Darci Lermen inaugura prédio da Prefeitura de Parauapebas

O prefeito de Parauapebas, Darci José Lermen (PT), entra para a história nos 21 anos de emancipação político-administrativa do município como o gestor que conseguiu construir e inaugurar o primeiro prédio para abrigar a sede do Poder Executivo, de várias secretarias e outras reparticões públicas.

Denominado Centro Administrativo, o suntuoso prédio, que se localiza no sopé do Morro dos Ventos, foi inaugurado pelo gestor municipal no início da noite do último sábado (19), com a presença de deputados federais, estaduais, secretários municipais, vereadores, convidados e populares.

Abaixo, algumas imagens do novo prédio da sede do Poder Executivo de Parauapebas colhidas no dia da inauguração:

Fotos: Waldyr Silva























Mercado de trabalho em Marabá

A primeira etapa da segunda edição do Programa de Preparação para o Mercado de Trabalho, promovido pela Vale para atender, prioritariamente, ao projeto Aços Laminados do Pará (Alpa), teve 6.627 inscritos.

Os cursos mais procurados foram os de assistente administrativo, almoxarifado, secretariado e mecânico montador.

O programa está sendo realizado a partir de uma parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Sistema Nacional de Emprego (Sine), Obra Kolping do Brasil e Prefeitura de Marabá.

Os treinamentos acontecerão ao longo de 2010 e 2011, com duração média de dois meses cada. Segundo a Vale, haverá ainda mais três períodos para inscrições até agosto de 2011.

domingo, 20 de dezembro de 2009

Vereador José Adelson é o novo presidente da Câmara Municipal

O vereador José Adelson Fernandes Silva (PDT) é o novo presidente da Câmara Municipal de Parauapebas para a legislatura de 2010.

A mesa diretora da Câmara é composta ainda pelos vereadores Wolner Wagner de Souza (PSDC), vice-presidente; Israel Pereira Barros "Miquinha" (PT), primeiro secretário; e Odilon Rocha de Sanção (PMDB), segundo secretário.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Imposto(res)

Natal dos sem-presentes

CRÔNICAS DO PC
O Natal se aproxima. A maioria das famílias se prepara para festejar o nascimento do Menino Jesus, uma tradição secular e cristã, de confraternização, fé e esperança nos dias e anos que haverão de vir.

O ponto mais alto dos festejos natalinos é a ceia, quando cada família se reúne entre membros e amigos para saborearem diversas guloseimas, próprias do dia, na era moderna, destacando-se o peru assado.

O costume da ceia vem de muito tempo. Alguns atribuem o ato à última ceia de Jesus Cristo e discípulos. Outros, a costumes medievais europeus de deixar no dia de Natal as portas das casas abertas, um convite para o viajante que chegava, de se aproximar e haver confraternização entre todos.

Aqui entre nós, observam-se as preparações que antecedem o dia 25 de dezembro. As ruas, diferentemente iluminadas, dão um toque diferente, pela beleza e esplendor.

Enfim, no dia 25 de dezembro vai chegar o Natal. Boas festas... Papai Noel alegrando a criançada. Famílias se confraternizando, troca de presentes e tudo é felicidade! Só felicidade? Será verdade?

Para sabermos a resposta, nos deslocamos para a periferia, em visitas a casas de gente pobre. Em três bairros diferentes, visitamos algumas famílias, e nos deparamos com o primeiro lar, que não vai ter Natal.

Trata-se de uma mãe maranhense, recentemente chegada a Parauapebas, com quatro filhos, sem marido, desempregada. Vive de “bicos”, mas passa muita necessidade com os filhos, porque tem dia que não ganha nada.

Sua casa é humilde, em terreno invadido. Os utensílios de uso diário são um banco de madeira, duas trempes de pedra, um pote, três panelas amassadas de alumínio e uma chocolateira de fazer café. Não tem feijão, não tem arroz, não tem farinha, nada para comer. Seu Natal, na certa, será assim, na penúria de fazer dó.

Iguais à maranhense, encontramos outras famílias pobres, necessitadas, de cearenses, alagoanas, sergipanas, baianas, sempre do Nordeste. Será que podem festejar o Natal de panelas vazias?

Pelo menos, de minha parte, estarei com eles. Como tenho visto de tudo neste mundão injusto e ingrato, nada pode ser diferente para mim. E vamos fazer nossa ceia, saboreando uma deliciosa buchada de bode, petisco que o nordestino aprecia.

“Não é a consciência do homem que lhe determina o ser, mas, ao contrário, o seu ser social que lhe determina a consciência”.

Pedro Cláudio M.Reis (PC) / E-mail: pcmourareis@yahoo.com.br

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Empresário compra mineradora em Curionópolis

Fontes do blog em Marabá informam que o multi-empresário Leonildo Borges Rocha, dono de diversas empresas na região, entre estas as lojas Leolar, se prepara para comprar uma mineradora localizada no município de Curionópolis, sudeste do Pará, para que possa funcionar a siderúrgica Maragusa, empresa instalada no Distrito Industrial de Marabá e que fechou no final do ano passado devido a crise mundial do setor guseiro.

Com a compra do empreendimento, o empresário pretende não depender mais do minério de ferro da Vale. As negociações estão bastante avançadas e até março do ano que vem a mineradora deve reabrir e funcionar a todo vapor.

Confraternização da Vale
A mesma fonte revela que fornecedores da região estariam encontrando dificuldades em atender a mineradora Vale no fornecimento de 26 tendas de 10 x 10 para que a empresa possa montar em diversos municípios onde acontecem as festas de confraternização.

Ocorre que os empresários que estão no ramo há um bom tempo não dispõem de tantas tendas. Além do mais, eles não esperavam que a empresa realizasse a festa, já que ano passado a confraternização não aconteceu.

Outro problema, ainda segundo a fonte, fica por conta da locação de cada uma das tendas, que é de no máximo R$ 400,00, ao passo que para comprar o material e montar todas as 26 tendas os empresários teriam de desembolsar pelo menos R$ 5 mil em cada uma das tendas. Se comprarem os materiais em Goiânia, o preço é mais em conta.

O empresário Edésio Bentes, de Marabá, diz que se tivesse tomado conhecimento com antecedência que a confraternização da Vale aconteceria este ano ele poderia dispor de recursos para comprar as tendas.


Autorização para acesso a Carajás

A Prefeitura de Parauapebas informa que não haverá expediente de funcionários para emissão de autorização para acesso ao Núcleo Urbano de Carajás, nos dias 24, 25 e 31/12/09 e 01/01/10.

Os interessados em adquirir autorização para acesso nos referidos dias deverão solicitar antecipadamente.

A prefeitura informa ainda que a partir do próximo sábado (19) o horário de funcionamento do Programa de Uso Público da Flona, na portaria de acesso a Carajás, será das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas.

PF apreende 12,5 kg de cocaína

Fotos: Edinaldo Sousa

Hotan da Silva Santos


Agente examina droga apreendida


Cárter onde a droga estava escondida


Caminhão que transportava a cocaína

Após intensas investigações e monitoramentos, a Polícia Federal (PF) de Marabá apreendeu na madrugada de segunda-feira (14) um caminhão que transportava 12,5 quilos de cocaína.

A droga estava escondida numa espécie de fundo falso do cárter (depósito de óleo lubrificante) de um caminhão Mercedes Benz, de placas HOM-6264, Açailândia (MA).

O motorista Hotan da Silva Santos, 30 anos, natural de Alagoas, que mora em Ariquemes (RO), foi preso e autuado por tráfico de drogas, com base no artigo 33 da Lei 11.343, de 23 de agosto de 2006, segundo informou o delegado federal Robert Nunes Teixeira.

O delegado contou que a prisão é fruto de uma parceria com a PF de Cáceres (MT) e envolveu o Núcleo de Inteligência e Operação da PF (NIO).

Sem querer revelar os métodos usados para se chegar até o acusado, o delegado contou apenas que a Inteligência da PF tinha informações a respeito do transporte da droga no caminhão, que saiu de Cáceres no início da semana passada.

A partir daí, os agentes da PF montaram uma barreira em Araguaína (TO), até que o caminhoneiro passasse no local, o que aconteceu por volta das 19h30 do domingo (13).

Ao constatarem que seria o caminhão que os agentes procuravam, o motorista Hotan da Silva Santos foi escoltado até a Delegacia de Marabá, onde foi autuado.

Para o delegado Robert Nunes, o motorista contou que foi contratado em Cáceres para transportar o caminhão até Imperatriz (MA) e pelo serviço receberia R$ 3 mil.

O acusado não revelou ao delegado de quem pertencia a droga, assim como não soube, ou não quis dizer, o nome da pessoa que o contratou para fazer o transporte.

Segundo o delegado, esse tipo de transporte de droga, camuflado em caminhão, também foi abortado pela PF no dia 3 de outubro deste ano, ocasião em que os agentes da PF apreenderam, em Tucumã, 27 quilos de cocaína, que também vinha dentro de um cárter do caminhão Mercedes Bens azul, placa GKO-4729, Contagem (MG).

No caso dessa droga apreendida na segunda-feira (14), a PF acredita que a origem tenha sido da Bolívia, pois no cárter do caminhão havia duas sacolas pretas de uma boutique daquele país.

Robert Nunes lembrou que caso a droga fosse colocada no mercado renderia até cinco vezes mais o peso original, pois os traficantes adicionam à droga outras substâncias, como barrilha, que eles chamam do “batismo”.

No caso destas duas apreensões de cocaína, os respectivos caminhões, que provavelmente foram comprados apenas para transportar droga, estão apreendidos na PF de Marabá. Por sua vez, Hotan Santos ficou de ser transferido ainda segunda-feira para o Centro de Recuperação Agrícola Mariano Antunes. (Edinaldo Sousa)

Banda Balança-i em Parauapebas

Por ocasião da inauguração do moderno Centro Administrativo da Prefeitura de Parauapebas, no próximo sábado (19), a banda Balança-i da Bahia (foto) fará um grande show na Praça de Eventos, a partir das 22 horas.

Notícia dava conta que o show seria de Zé Ramalho, mas na verdade será da banda baiana.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Carreta-palco pega fogo na Praça de Eventos, em Parauapebas

Até então sem explicação oficial sobre o motivo do sinistro, uma carreta-palco que estava estacionada na Praça de Eventos, em frente ao prédio da Câmara Municipal de Parauapebas, foi incendiada por volta de meio-dia desta segunda-feira (14), chamando a atenção de curiosos.

O Corpo de Bombeiros foi chamado para apagar o incêndio, mas quando os homenss chegaram grande parte da carreta já tinha sido consumida pelas chamas.

Abaixo, algumas imagens do sinistro.

Fotos: Waldyr Silva









Conselheiros tutelares eleitos



01 - Ozéas Leão Santos Lopes (nº 02) – 898 votos
02 - Maria da Conceição Marques Souza (nº 06) – 854 votos
03 - Letícia do Socorro Freire Rossy (nº 03) – 844 votos
04 - Ivanildo Braga da Silva (nº 09) – 721 votos
05 - Aldo Nonato Lindoso Serra (nº 13) – 615 votos

Suplentes
06 - Arlete Edna Medeiros Sacramento (nº 08) – 518 votos
07 - Eliésio Costa Silva (nº 15) – 502 votos
08 - Josefa Alverlene Rocha Girão (nº 12) – 499 votos
09 - Carlos Alberto de Oliveira (nº 01) – 485 votos
10 - Madson de Matos Albuquerque (nº 20) – 476 votos

domingo, 13 de dezembro de 2009

Prefeitura inaugura Centro Administrativo dia 19/12

200.000 acessos!

O blog está ultrapassando o número de 200 mil acessos, marca que agradecemos a todos os visitantes e colaboradores. Continue nos visitando. O blogger agradece.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Projeto Serra Leste

A Vale recebeu na última quarta-feira (9), em Curionópolis, a Licença de Implantação do Projeto Mina de Ferro Serra Leste.

A entrega do documento foi feita pela governadora do Pará, Ana Júlia Carepa, em evento realizado no Teatro Municipal de Curionópolis, com as presenças do prefeito Wenderson Chamon (Chamonzinho), representantes da Vale, autoridades estaduais e municipais, além da comunidade.

Eleição do Conselho Tutelar de Parauapebas: dia 13/12


Candidatos classificados na prova e aptos a concorrer

1 - Aldo Nonato Lindoso Serra (nota 105,5)
2 - Josefa Alverlene Rocha Girão (nota 89,0)
3 - Maria da Conceição Marques Sousa (88,0)
4 - Ozeas Leão Santos Lopes (87,0)
5 - Eliésio Costa da Silva (82,0)
6 - Madson de Matos Albuquerque (78,0)
7 - Arlete Edna Medeiros Sacramento (77,5)
8 - Carlos Alberto de Oliveira (71,0)
9 - Letícia do Socorro Freire Rossy (71,0)
10 - Ivanildo Braga da Silva (70,50)

Candidatos eliminados na prova
1 - José Santana Rodrigues Correia (Art. 18 da Resolução 007)
2 - Eliana da Costa Brito (Art. 18 da Resolução 007)

Candidatos desclassificados na prova
1 - Iara Silva de Araújo (nota 65,2)
2 - Edson Barbosa da Silva (62,5)
3 - Dilma Leal Campos de Oliveira (59,0)
4 - Francilena Silva Ferraz (faltou para prova)

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Seminário debate temas sobre lan houses do sudeste paraense

Integrando as ações do projeto “Melhoria da competitividade das lan houses de Marabá”, o Sebrae realiza neste sábado (12) o seminário “Oportunidades no mundo digital”, evento que proporcionará a troca de experiência entre empresários do segmento de lan houses de Marabá e Parauapebas.

A intenção é debater temas importantes para o segmento, bem como disseminar o papel dos estabelecimentos como prestadores de diversos serviços, inserindo um novo conceito do negócio, de que são estabelecimentos que oferecem como cursos de educação à distância, atendimento online de instituições governamentais.

São parceiros do evento a Associação Marabaense de Inclusão Digital (Amid) e a Associação dos Centros de Inclusão Digital de Parauapebas (Acidp). O seminário será realizado no auditório da Uepa.

Encontro
Em setembro de 2009, o Sebrae e a Associação Brasileira de Centros de Inclusão Digital (Abcid) organizaram o I Encontro de Inclusão Digital da Região de Carajás, também realizado em Marabá.

A intenção do Sebrae foi estimular empresários de micro e pequenas empresas do setor para as ações do projeto “Melhoria da competitividade das lan houses de Marabá”, fortalecendo-os com capacitações, encontros desse tipo e união dos proprietários por meio da sua associação, a Amid.

Durante o evento foram debatidos temas como informalidade dos estabelecimentos, eficiência energética, crimes virtuais e a reclassificação da categoria, segundo a Classificação Nacional de Atividade Econômica (Cnae), que deixa de ser vista como “casa de jogos eletrônicos” para se tornar “sala de acesso à internet para apoio administrativo ou escritório”.

Dessa forma, os estabelecimentos saem da jurisdição do Juizado da Criança e do Adolescente, desobrigando-os a ter licença do órgão para funcionar. (Silvaneide Guedes, assessora de Comunicação e Marketing do Sebrae/Pará)

Programação
Data: 12 de dezembro (sábado)
Local: Auditório do campus da Uepa-Marabá
8 horas: Recepção (credenciamento)
8h30: Abertura oficial
9 horas: Palestra “Empreendedorismo digital e democratização do acesso à informação digital”; Palestrante: Mário Brandão (Abcid)
10 horas: Palestra “Empreendedor individual e formalização”; Palestrante: Paulo Watanabe (Sebrae)
12 horas: Almoço
14 horas: Palestra “Empresas públicas e privadas como clientes de lan houses”; Palestrante: Wagno Oliveira (Abcid)
15h30: Apresentação do Navega Pará
16h30: Palestra “Marketing digital”; Palestrante: Rafael Maurício (Abcid)

Governo lança linha de crédito para renovar frota de táxi no país

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, lançou no início da semana, no Rio de Janeiro, linha de crédito aberta pelo Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) voltada à aquisição de veículos para renovação da frota de táxis em todo o país. Segundo Lupi, a linha de crédito faz parte do pacote anticrise do governo federal voltado à manutenção do aquecimento do mercado interno.

"O mercado automobilístico segue bem posicionado no mercado, apoiado na redução do IPI e agora também impulsionado pela liberação desta linha de crédito. Esta possibilidade de empréstimos também favorece o trabalho desses profissionais, que terão melhores instrumentos para exercer suas profissões. A renovação da frota também traz mais segurança ao trânsito, já que os beneficiários vão trocar seus veículos usados por novos", comentou o ministro.

O incentivo, na avaliação do deputado Carlos Zarattini (PT-SP), é mais uma medida estratégica do governo Lula no sentido de assegurar o bom desempenho da economia brasileira frente à crise financeira internacional. “Além de melhorar as condições do transporte de táxi no Brasil, esta linha de crédito vai aquecer ainda mais a indústria automobilística, que já foi amplamente beneficiada com a redução do IPI”, afirmou Zarattini, destacando os ganhos para os profissionais do setor, que vão pagar menos para trocar de carro e economizar na manutenção do veículo.

FAT taxista
O FAT destinou R$ 200 milhões para financiamento de veículos de passageiros, de fabricação nacional, novos, equipados com motor de cilindrada não superior a dois mil centímetros cúbicos (2.0), de no mínimo quatro portas, inclusive a de acesso ao bagageiro, movido a combustível de origem renovável ou sistema reversível de combustão.

A linha de crédito é direcionada à pessoa física, titular de concessão legal expedida pelos órgãos competentes que regulam a atividade de taxista. Para ter acesso ao crédito é preciso apresentar documento que comprove o exercício da atividade de taxista. Pode ser financiável até 90% do valor do bem, no valor de até R$ 60 mil. O prazo para pagamento é no máximo sessenta meses, incluídos até três meses de carência.

A taxa de juros a ser aplicada é TJLP mais 4% efetivos ao ano, equivalentes a 10,24% ao ano e 0,82% ao mês. Dos R$ 200 milhões da linha de crédito, R$ 50 milhões já foram alocados no Banco do Brasil. (Portal Liderança do PT)

Noite do Pop-Rock


quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Jornalista

Jornalista não acha – tem opinião
Jornalista não briga – debate
Jornalista não chora – se emociona
Jornalista não conta história – reconstrói
Jornalista não conversa – entrevista
Jornalista não é chato - é crítico
Jornalista não é esquecido – é eternizado pela crítica
Jornalista não esquece de assinar – é anônimo
Jornalista não fala – informa
Jornalista não faz lanche – almoça em horário incomum
Jornalista não fofoca – transmite informações inúteis
Jornalista não influencia – forma opinião
Jornalista não lê – busca informação
Jornalista não mente – equivoca-se
Jornalista não omite fatos – edita-os
Jornalista não pára – pausa
Jornalista não passeia – viaja a trabalho
Jornalista não pensa em trabalho – vive o trabalho
Jornalista não se acha – ele já é reconhecido
Jornalista não se confunde - perde a pauta
Jornalista não some – trabalha em off
Jornalista não tem amigos – tem muitos contatos
Jornalista não tem olheiras – tem marcas de guerra
Jornalista não tem problema – tem situação
Jornalista não traz novidade – dá furo de reportagem
Jornalista não usa carro – mas sim veículo
Jornalista não vai a festas – faz cobertura
Jornalista não vai beber em bar – bota o papo em dia
Jornalista não morre – coloca um ponto final
(Internet)

Casamento comunitário no sábado

A Prefeitura de Parauapebas realiza no próximo sábado (12), a partir das 16 horas, no ginásio poliesportivo, a segunda edição do Casamento Comunitário para cerca de 300 casais.

O evento é aguardado com muita expectativa pela comunidade, em especial pelos casais ansiosos em celebrar e oficializar a união, pois antes não tiveram condições de pagar os custos de uma cerimônia e veem agora o sonho realizado, por conta da prefeitura. Além do mais, a efetivação jurídica da relação dá garantias a vários direitos, dentre eles os previdenciários.

Este ano, o evento conta com parceria entre as entidades Apae, Sorri e FAM, responsáveis pela Praça de Alimentação, e que deverão angariar fundos para seus trabalhos sociais.

O Casamento Comunitário, um ato de cidadania, é organizado mais uma vez pela Secretaria Municipal da Mulher (Semmu). "Além da equipe da Semmu, há um grande número de pessoas envolvidas para que o Casamento Comunitário aconteça e obtenha sucesso em mais esta edição. Estamos nos mobilizando para que este seja um acontecimento marcante na vida dessas pessoas. É um privilégio para nós enquanto governo poder participar do momento de realização desses casais", conclui Joelma leite, secretária da Mulher.

É mais fácil se expressar na web?

Muito já se falou sobre o internetês, a linguagem da internet, caracterizada por sua informalidade, abreviações, substituições fonéticas (como “c” por “se”, ou “k” por “qu-“) e o uso de sinais iconográficos. No entanto, além da ortografia, a internet tem se configurado como um ambiente de expressão bastante livre e informal, especialmente para quem já nasceu com ela, ou está bem ambientado. O internetês parece ser apenas o código dessa forma de expressão.

O educador norte-americano Marc Prensky, ainda em 2001, cunhou a expressão “digital native” para descrever as pessoas que nasceram na década de 1990, “com o mouse e o celular na mão”. São jovens totalmente integrados às novas possibilidades de interação virtual, seja por meio da internet ou do celular.

Prensky constata que para os “nativos digitais” é mais fácil expressar sentimentos por meio de telas, como Orkut, Facebook, Twitter, blogs, MSN, entre outros. Sua preocupação, como pedagogo, era entender como a escola deveria receber e educar essa nova geração.

Um exemplo desse maior conforto para se expressar na internet é a pesquisa da consultoria Nielsen Online que, solicitada pelo Google, realizou um grande levantamento sobre o comportamento das pessoas com relação ao e-mail.

Quando se trata de assuntos íntimos, por exemplo, 86% dos entrevistados na faixa dos 18 aos 24 anos afirmaram que não viam problemas em resolver questões amorosas por meio de mensagens eletrônicas. Entre os acima de 55 anos, esse número foi de 33%.

Estamos diante de uma geração que tem mais facilidade e, em muitos casos, até prefere se expressar via web. Marc Prensky falava em seus artigos sobre como a educação dos “nativos digitais” era conduzida pelos “imigrantes digitais”, ou seja, aqueles que não nasceram nesse meio, mas que se mudaram para ali tempos mais tarde.

Pesquisas como a da Nielsen Online mostram que o embate entre “nativos digitais” e “imigrantes digitais” deve ser levado em conta não só nas escolas, mas também pelo mercado de trabalho.

A comunicação mediada pelos computadores pode não apenas significar mais comunicação nas empresas, uma comunicação mais eficiente e já documentada, mas também a produção coletiva de conhecimento por meio de sistemas como o Google Docs e Wikis. Os profissionais que hoje estão em cargos de chefia devem estar atentos a esse movimento. (Luciano Valente)

Jornalismo insano

Não é de hoje que me pergunto sobre o jornalismo enquanto ideal de vida. Ora, existem milhares de ofícios humanos, milhares de profissões. Exercer a cidadania pressupõe a existência da mesma, portanto, nem sempre factível a qualquer um. Mas é que existem situações em que a ética deve vir antes, algo como um pre-requisito. Penso então no fazer-jornalístico. Os jornais, sejam impressos ou não, e também não importa qual a ferramenta em que está sendo disponibilizado, terminam por fazer eco uns aos outros. Algum antídoto para esse tipo de jornalismo? Sim. A prática de um jornalismo cidadão. E aí temos amplo espaço para refletir sobre o que se encaixaria nessa categoria.

A mesma manchete e a mesma história repercutem como plantação de cogumelos. Já não nos identificamos com esta ou aquela linha editorial porque tudo passou a ser sinalizado pela mesmice.

Se o assunto do dia é um crime e, ainda mais, um crime hediondo, desses em que a filha de 13 anos mata o pai e a mãe enquanto dormem, e, ainda, se para tal horrendo feito contou com a cumplicidade de seus coleguinha de parcos 8 ou 9 anos de idade, então, não precisamos ser muito espertos para sabermos que o assunto será divulgado até nos dar náusea por pelo menos duas ou três semanas seguintes. Essa divulgação fará parte do que chamo de “jornalismo insano” : uns repercutem os outros, uns querem a primazia da descoberta mais inesperada e temperada, preferencialmente, com as cores fortes da escandalização da violência urbana.

Todo o arsenal de criatividade, estilos e formatos jornalísticos serão colocados a serviço da mais rápida difusão da notícia. Todos os assuntos serão colocados na geladeira da comodidade, aqueles temas que rendem poucos leitores serão relegados por obrigação do ofício ao arquivo redondo: descoberta de vacinas, políticas públicas que rendem mais que publicidade, iniciativas louváveis de indivíduos e de instituições para elevar a qualidade de vida da sociedade e por aí vai.

O jornalismo insano assemelha-se a uma praga de gafanhotos: ataca a mesma plantação, e no mesmo momento. Os fatos são pisoteados da mesma forma que as folhas são destruídas quase que instantaneamente.

A nuvem que se forma ante os sempre desavisados receptores das notícias (leitores, ouvintes, espectadores e internautas) espessa o suficiente para bloquear qualquer ínfima passagem de ar puro.

Ocorre que não há espaço para outro assunto. Todo esforço maior para continuar repercutindo o hediondo e o macabro. Quando não houver qualquer outro fato novo sobre a tragédia, então começam os comentários de especialistas de direito ou de especialistas criados pela mídia, geralmente nomes de bom conceito na sociedade: juristas, pensadores, escritores, políticos, militantes de direitos humanos, educadores, sociólogos.

Temos amplo espaço para refletir sobre o que se encaixaria nessa categoria. Mas, com certeza, seria um jornalismo comprometido com a boa prática jornalística. E também com uma visão mais abrangente do mundo e de seus sinais. Apreço por iniciativas que elevem a qualidade de vida da população. Defesa das populações vulneráveis. Espaço para a proteção do meio-ambiente e para o progresso científico. Jornalismo cidadão tem muito a ver com a promoção dos direitos fundamentais da pessoa humana. (Fonte: Washington Araújo, no Blog Cidadão do Mundo)

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Operação policial é iniciada na região de Marabá

A Polícia Civil realiza desde segunda-feira (7) a operação Itacaiúnas, na região sudeste do Pará. A ação policial tem por objetivo prevenir assaltos a bancos em Marabá e região.

Nesta terça-feira (8), equipes das Divisões de Investigação e Operações Especiais (DIOE) e de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), com apoio do GPE (Grupo de Pronto-Emprego), realizaram rondas nas agências bancárias do município de Marabá.

Para apresentar os detalhes da operação, o delegado-geral da Polícia Civil, Raimundo Benassuly, juntamente com o diretor de Polícia Especializada, Neyvaldo Silva, concedeu entrevista coletiva a jornalistas na sede da Superintendência Regional do Sudeste Paraense, em Marabá. Cerca de 50 policiais civis vão estar em atuação até o final do ano, na região.

Além dos agentes das Divisões, estarão policiais lotados na Superintendência do Sudeste do Pará, que abrange dez municípios, entre estes Parauapebas. Dezesseis viaturas serão empregadas na ação. Além da prevenção de roubos a bancos, os agentes tentar cumprir mandados de prisão e efetuar prisões em flagrante. Os agentes irão atuar também na prevenção e repressão de crimes, como as chamadas "saidinhas" de banco e roubos seguidos de morte.

A operação faz parte de uma série de ações realizadas pela Polícia Civil, na capital e interior do estado, para garantir que a sociedade tenha um final de ano tranquilo. (Fonte: Assessoria da Polícia Civil)

A água nas religiões

Nas religiões, o uso ritual da água segue um ritmo de envolvimento crescente: vai desde a simples aspersão até a total imersão. Outro ritmo a considerar é o da interioridade, que vai da sensibilidade exterior àquela interior, com a ingestão de águas sagradas ou abençoadas. Gestos culturais desse tipo são notórios.

Para se livrar do ciclo de reencarnações, os hindus mergulham no Ganges, Yamuna e Godavàri, considerados rios sagrados.

Os judeus purificam-se pela mikvá, banho ritual. Os muçulmanos lavam os pés, os braços e o rosto antes da oração. Nos templos subterrâneos dedicados a Mithra havia uma pia para a iniciação. Na Gália céltica centenas de lagoas e fontes eram consideradas miraculosas: beber a sua água assegurava saúde, fertilidade e boa-sorte.

Quando João Baptista voltou do deserto anunciando o tempo messiânico, usou o banho (baptismo) como sinal público de conversão (cf. Mc 1,4-5). Jesus de Nazaré ordenou este rito quando enviou seus apóstolos a pregarem a boa-notícia do Reino de Deus (cf. Mt 28,19).

No nosso inconsciente, a imersão equivale, no plano humano, à morte; e no plano cósmico, à catástrofe (o dilúvio) que dissolve periodicamente o mundo no oceano primordial.

Desintegrando toda forma e abolindo toda a história, as águas possuem esta virtude de purificação, regeneração e nascimento; porque aquilo que é mergulhado nela “morre” e, erguendo-se das águas, é semelhante a uma criança sem pecados e sem história, capaz de receber uma nova revelação e de começar uma nova vida “limpa”.

O simbolismo das águas é o produto da intuição do cosmos como unidade e do ser humano como um modo específico de existência, que se realiza através da “história”.

Para os cristãos, o Messias Jesus está no centro da história, tornada por ele mesmo uma história de salvação. Mergulhar nas águas baptismais é mergulhar no mistério de Cristo: a pessoa morrendo para a iniqüidade e ressurge redimida. É, agora, uma nova criatura (cf. Rm 6,3-5). Esta teologia regenerativa é solenemente proclamada no baptismo.

Rituais que no ponto de vista Bahá'í não se ajustam no tempo contemporâneo, como o do baptismo, mas as ablações antes das orações obrigatórias se mantêm. (João Moutinho, de Lisboa, no blog A Paz Universal)

Galinheiro do futuro usará fezes das aves para fazer biocombustível



Parece um terminal de aeroporto, mas é um galinheiro. O projeto da empresa israelense Agrotop prevê cataventos solares no teto, energia solar, reciclagem da água e até travesseiro para as aves.

As fezes das galinhas serão usadas para gerar combustível. O projeto deve atender as futuras exigências da União Européia válidas a partir de 2012.

O galinheiro vai gerar energia suficiente para seu próprio consumo e ainda produzirá um excedente para ser vendido na rede elétrica do país.

De acordo com as exigências europeias, o galinheiro oferecerá o dobro de espaço para cada galinha nas gaiolas, o suficiente para que se movimentem livremente, tenham ar fresco e iluminação natural. Até espaço para bater as asas.

As gaiolas terão grama natural ou artificial, ou capim, para simular o ambiente natural do terreiro. E cada gaiola terá um material macio, uma espécie de travesseiro, para as galinhas descansarem. (Alexandre Mansur)

Promessas de Arruda


segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Waldyr Silva recebe prêmio de melhor Jornalista do Ano

Fotos: Pebinha de Açúcar

Waldyr Silva


Homenageado exibe troféu para público


Com a apresentadora Babi Xavier


Mesas distribuidas no ginásio poliesportivo


Bariloche e Waldyr Silva


Clarinha e Waldyr Silva

Escolhido pelos membros da Associação de Imprensa e Comunicação de Parauapebas (Aicop), Waldyr Silva recebeu no último sábado (5) o troféu de melhor Jornalista do Ano, na festa denominada Prêmio Mérito Lojista.

O evento foi apresentado pelo radialista Demerval Moreno e pela apresentadora de TV Babi Xavier.

Quem é Waldyr Silva
Waldir Pereira Silva nasceu a 30 de dezembro de 1950, na cidade de Araguaina, então Estado do Goiás (hoje Tocantins), foi criado em Carolina (MA) até aos 18 anos, quando partiu para a cidade de Colinas de Goiás (hoje Colinas do Tocantins), onde ficou até 1971, época em que aprendeu a profissão de rádio-técnico.

No início de 1972, deixou Colinas e partiu rumo a Imperatriz (MA), onde passou três meses prestando serviço de rádio-técnico. No mês de abril daquele ano, Waldyr deixou Imperatriz rumo a Marabá, onde morou por vários anos, concluiu os estudos de ensino fundamental e médio e casou com dona Deuzina, com quem teve os filhos Cinthia (falecida), Barbarella, Byancka, Janini e Bariloche.

Nos anos de 1976 e 1977, morou em Itaituba e depois retornou para Marabá. Em 1985, mudou-se para Belém, onde nasceu o filho Bariloche. Em Belém, foi correspondente do jornal Correio do Tocantins, de Marabá, até 1993, quando retornou com a família para Marabá.

Em Marabá, trabalhou como subeditor do jornal Correio do Tocantins no período de 1993 a 1998, quando foi convidado a assumir a função de editor do jornal Opinião, até 2001.

Ainda em Marabá, Waldyr Silva prestou vestibular para o curso de Letras e Artes pela Universidade Federal do Pará (UFPA), passou no concurso e concluiu o curso em 1999. Também em Marabá, o homenageado recebeu o título de Cidadão Marabaense, concedido pela Câmara de Vereadores.

Waldyr Silva conseguiu registro provisional de jornalista junto à Delegacia Regional do Trabalho (DRT), por meio do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Pará. Também em Marabá, casou com dona Maria Clara Costa da Rocha, com quem tem o filho Gyancarlo Gabriel, hoje com 9 anos de idade.

Chegou a Parauapebas em março de 2001, a convite do jornalista Eli Pereira Dias, para assumir o cargo de editor do então jornal Movimento Regional, de propriedade do empresário gráfico Sérgio Balduino, onde permaneceu na função até dezembro do mesmo ano, quando o jornal foi vendido para o então secretário municipal de Finanças, Welney Lopes de Carvalho.

Em julho de 2002, fundou o jornal A Notícia, em parceria com Maryel Vieira Mendes, cuja sociedade durou até maio de 2005.

Em setembro de 2005, Waldyr Silva foi convidado por Marcel Nogueira, então titular da Assessoria de Comunicação (Ascom) da Prefeitura, para integrar o quadro de repórter e redator de impresso da repartição, onde exerce o cargo até hoje.

Hoje, Waldyr Silva exerce a função de presidente da Associação de Imprensa e Comunicação de Parauapebas (Aicop), presta serviços de repórter, redator e revisor de textos na Ascom, é responsável pela revisão de três jornais da cidade e é respeitado pelos colegas de imprensa da cidade e região. Prova disso é este título de Jornalista do Ano.

Ele aproveita para agradecer aos associados da Aicop que votaram para que o mesmo fosse homenageado com mais este título honorífico.

E viva o Mengão!

Com a vitória do Flamengo no campeonato brasileiro, neste domingo (6), a cidade de Parauapebas se transformou em vermelho e preto, com várias carreatas rodando a cidade, com maior concentração nas praças de Evento e Mahatma Gandhi, e muita comemoração pelo título.

Abaixo algumas imagens da euforia dos rubro-negros. E viva o Mengão.

Fotos: Douglas